Cachorro perdido encontrado na Austrália é raça em extinção

Cachorro perdido encontrado na Austrália é raça em extinção

Último Vídeo

Um "cachorro" inusitado foi encontrada perdido e com alguns arranhões por cidadãos de Wandiligon, município da Austrália. No entanto, um exame de DNA surpreendeu a todos ao revelar que, na verdade, o canino perdido era um filhote de dingo. O animal encontrado recebeu o nome de Wandi.

Wandi, no entanto, ainda carregava consigo mais algumas surpresas, uma delas revelada pelo DNA. O filhote era um exemplo raro e 100% puro da sua espécie, o que foi considerado como um grande descoberta. Isso porque os demais dingos existentes são resultantes de cruzamentos de híbridos, como os cães.

Atualmente, Wandi mora com outros animais de sua espécie em uma instituição, que preza pela preservação destes animais, a Fundação Australiana de Dingos. Além disso, o filhote ficou tão famoso que, inclusive, seu crescimento pode ser acompanhado pelas redes sociais. 

Conheça mais sobre o "cachorro" perdido

O dingo, cujo nome científico é Canis dingo, é um animal selvagem nativo da Austrália. Ele é também considerado como um primo dos lobos e dos cachorros, que criamos em casa. Este canídeo é o único predador terrestre do país e sua alimentação é a base de cangurus, raposas, gatos e coelhos.

A espécie está em risco de extinção, principalmente, por causa de pecuaristas que o consideram como uma ameaça ao gado. Além disso, os animais também sofrem com a ação de caçadas e armadilhas para captura.

Fundação Australiana de Dingos

Wandi, assim como outros de sua espécie, moram na Fundação Australiana de Dingos, uma instituição que há mais de uma década atua na proteção deste animais. O próprio governo australiano solicitou a criação de uma entidade que lutasse para que os parentes do cachorro não fossem extintos. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.