Terremoto: o que é, as suas causas e como é medido

Ao redor do mundo, muitos locais já tiveram que lidar com terremotos e as suas consequências. Sabemos que este desastre natural faz com que o chão trema, o que pode ocasionar destruição em construções e, consequentemente, acidentes e mortes. Mas, o que causa o terremoto em primeiro lugar? Confira agora.

O que é terremoto?

Fonte: Vecteezy/DivulgaçãoFonte: Vecteezy/Divulgação

Também conhecido como abalos sísmicos, este desastre natural é um tipo de tremor passageiro e intenso que ocorre na superfície da Terra. O terremoto pode causar de pequenas a severas destruições, além de provocar catástrofes, como o acidente na Usina Nuclear de Fukushima, no Japão. 

Causas dos terremotos

Fonte: Freepik/DivulgaçãoFonte: Freepik/Divulgação

O tremor acontece quando a superfície terrestre começa a se mover por conta de uma liberação repentina de energia, também chamada de onda sísmica. Esta onda acontece graças ao movimento ou quebra repentina de rochas no subsolo. 

Boa parte dos terremotos ocorrem onde as placas tectônicas se encontram ou em locais que existam falhas geológicas, como a de San Andreas na Califórnia. Contudo, eles também podem ser causados por vulcões, deslizamentos de terras e explosões.

No caso dos vulcões, o tremor acontece quando a pressão sob a superfície aumenta e ela precisa ser liberada de alguma forma. Essa explosão repentina pode causar ondas sísmicas. 

>>> Saiba mais: 10 fatos que você provavelmente não sabe sobre os terremotos

Escala Richter

Fonte: Pixabay/DivulgaçãoFonte: Pixabay/Divulgação

A força de um terremoto é definida por meio da Escala Richter. Para isso, os cientistas usam o sismógrafo, um instrumento capaz de medir as vibrações internas da Terra. A classificação do tremor varia entre 1 (muito fraco) a 10 (muito forte). 

Os terremotos inferiores a 3,5º não costumam ter grandes efeitos sobre a superfície, sendo sentido apenas pelo sismógrafo. Entre 3,5º e 5,4º já podemos sentir alguma coisa, porém sem grandes estragos. Tremores entre 5,5º e 6º podem causar pequenos danos à superfície. 

Os abalos mais severos estão entre 6º e 8º. Acima disso, podemos esperar por uma grande catástrofe, que provavelmente será sentida por mais de 100 km do epicentro do tremor. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.