Seja o primeiro a compartilhar

Peixe raro e assustador surge em praia da Califórnia

A imagem assustadora de um peixe estranho nas areias de uma praia da Califórnia, nos Estados Unidos, viralizou na internet nos últimos dias. Muitos internautas ficaram curiosos a respeito da origem do animal e lembraram a sua semelhança com um dos personagens da animação Procurando Nemo.

De acordo com a administração do Parque Estadual Crystal Cove, em Newport Beach, onde o esquisito habitante do mar foi encontrado, trata-se de uma fêmea da espécie peixe-futebol do Pacífico. O animal possui dentes que são como “cacos de vidro pontiagudos” e é capaz de engolir presas do tamanho do seu próprio corpo, diz a instituição.

A “criatura” foi achada na praia pelo banhista Ben Eslef na sexta-feira (7), durante uma caminhada pela região, conhecida pela bela vista panorâmica. Ele pegou o celular e fotografou o animal, sendo o responsável por uma das imagens que mais fez sucesso nas redes sociais.

(Fonte: Facebook/DaveysLockerSportfishing)(Fonte: Facebook/DaveysLockerSportfishing)

Não se sabe como o peixe assustador foi parar na areia, pois esta é uma espécie que vive a mais de 900 metros de profundidade no oceano. Os pesquisadores da área afirmam ser ainda mais raro encontrar um exemplar chegando à superfície intacto, como é o caso desta fêmea.

Atraindo as presas na escuridão

Também conhecido como “diabo-marinho”, este peixe pertence à ordem dos Lophiiformes. As fêmeas se diferenciam por apresentar uma barbatana dorsal longa na cabeça, que se estende à frente da boca e traz pontas bioluminescentes, como se fossem pequenas lâmpadas brilhando na escuridão.

Esta estrutura com as pontas brilhantes é usada para atrair as presas desavisadas na região profunda do mar onde ela vive, facilitando a captura. Outra curiosidade sobre as fêmeas é que elas são bem maiores que os machos, chegando a medir até 60 cm de comprimento, contra apenas 3 cm deles.

(Fonte: Facebook/DaveysLockerSportfishing)(Fonte: Facebook/DaveysLockerSportfishing)

Conforme os especialistas, os machos se agarram às fêmeas com seus dentes e se tornam “parasitas sexuais”, tendo a única função de auxiliá-las na reprodução até o fim da sua vida.

A espécie encontrada em Newport Beach, que tem 45 cm de comprimento, agora está sob os cuidados do Departamento de Peixes e Vida Selvagem da Califórnia. Ela deve ser levada para um museu ou instituição de ensino da região.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.