Seja o primeiro a compartilhar

Pinscher ajuda policiais a encontrar drogas escondidas pelo dono

Os policiais que participavam de uma operação em busca de drogas na casa de um traficante da região do Vale do Araguaia, no Mato Grosso, nessa quinta-feira (20), tiveram uma ajuda inusitada para encontrar os entorpecentes. O cão que pertencia ao dono do imóvel indicou o local onde os produtos ilegais estavam escondidos.

Enquanto os agentes da Polícia Federal (PF) realizavam as buscas na residência, o cachorro da raça Pinscher começou a cavar em uma determinada parte do quintal. Desconfiados da agitação do animal, os policiais foram até a área onde ele estava e terminaram o serviço iniciado pelo pet, encontrando tabletes de drogas escondidos no solo.

A história curiosa, registrada em vídeo (veja abaixo), fazia parte da Operação Hot Money, que tinha como alvo uma organização criminosa responsável pelo tráfico de drogas interestadual na região, de acordo com a PF. A ação terminou com três pessoas presas em flagrante por tráfico e porte ilegal de arma de fogo, além da apreensão de grande quantidade de dinheiro.

O cãozinho Pinscher que ajudou os policiais a encontrar as drogas do seu dono ficou sob os cuidados dos agentes da PF após a conclusão da operação. O tutor, que de acordo com o G1 era um dos traficantes procurados, também acabou sendo preso.

Um excelente guardião e companheiro

Ao contrário de outras raças de pequeno porte, o Pinscher costuma ser um bom guardião, fazendo jus à expressão “tamanho não é documento”. Com a sua energia inesgotável, ele geralmente não se intimida com nada e dispara a latir quando percebe algo de errado acontecendo ao seu redor.

Originado na Alemanha, onde era muito popular antes da Primeira Guerra Mundial, o cão surgiu possivelmente de um cruzamento entre as raças Dachshund e Greyhound Italiano. Inicialmente, ele se destacou como um bom caçador de roedores, por causa do tamanho compacto, e atualmente é uma das raças mais populares na Europa e no Brasil.

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Assim como outros cães, o Pinscher também é conhecido por demonstrar uma grande lealdade aos tutores, fazendo de tudo para defendê-los diante do perigo. Porém, ao dedurar o seu dono para os policiais neste caso ocorrido no Mato Grosso, o pet pode ter colocado a fidelidade canina em xeque.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.