10
Compartilhamentos

Comer uma fruta ou verdura com larvas faz mal?

Toda vez que compramos uma fruta ou verdura, o ideal é ficarmos de olho para ver se esse alimento apresenta um aspecto saudável e não foi infestado por algum tipo de praga. Mas digamos que você acabou sendo desatento e acidentalmente terminou comendo uma larva que perambulava pela sua maçã. E agora?

Uma larva é como se fosse uma mosca comum, mas em estado de evolução. Donas de um corpo mole e sem pernas, podem se parecer muito com vermes e costumam aparecer nos tecidos em decomposição de carne e plantas. Por mais nojento que tudo isso pareça, a sua saúde corre menos riscos do que realmente é possível se pensar.

Comendo larvas

(Fonte: Wikimedia Commons)(Fonte: Wikimedia Commons)

As larvas chegam até as frutas e verduras após uma mosca depositar seus ovos dentro de um desses alimentos. Depois disso, esses filhotes chocam e passam a se alimentar de tudo que veem pela frente. Isso se torna um problema, por exemplo, quando o alimento está apodrecendo e passa a ter um acúmulo de bactérias.

Por outro lado, quando estão em uma "dieta saudável", as larvas não costumam ser um grande perigo. Em algumas culturas, as larvas podem ser comidas intencionalmente e preparadas na fritura. Na Sardenha, esses animais também são usadas para preparar uma iguaria bizarra chamada de "Casu Marzu", uma espécie de queijo apodrecido. 

Encontrar uma larva em sua comida pode ser inclusive bom sinal de que aquele alimento não possui agrotóxicos e provavelmente veio de origem orgânica. Sendo assim, quem mais sofrerá com a ingestão da larva será ela mesma, que acabará inevitavelmente digerida pelo suco gástrico do seu estômago em pouquíssimo tempo.

Riscos para a saúde

(Fonte: Unsplash)(Fonte: Unsplash)

Como citado anteriormente, a presença de larvas em um alimento também pode ser sinal negativo de apodrecimento. Nesses casos, é possível sim que o indivíduo que consumir a fruta ou verdura contaminada apresente algum problema de saúde após determinado tempo. Alguns exemplos disso são:

  • Miíase: infecção causada em pessoas que possuem péssima higiene bucal.
  • Envenenamento bacteriano: sintomas parecidos com a salmonela decorrentes da ingestão de larvas que tiveram contato com fezes ou material em decomposição.
  • Reação alérgica: algumas pessoas podem ter alergia às larvas e apresentar sintomas respiratórios ou asmáticos. 

Dessa forma, como não podemos determinar qual larva é ou não é segura de ingerir, o mais recomendável é que as pessoas evitem adquirir alimentos infestados ou com qualquer sinal de podridão. Por fim, no surgimento de qualquer sintoma dos problemas de saúde descritos aqui, o ideal é buscar auxílio médico para tratar o caso.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.