Como voltar a morar com os pais depois de adulto?

A experiência de voltar a morar com os pais depois de adulto pode não ser fácil para a maioria das pessoas. Pelas dificuldades financeiras e sobretudo pela crise causada pela covid-19, muitas pessoas têm optado voltar para a casa de seus genitores como forma de aliviar outros problemas da vida e dividir custos.

Entretanto, essa é uma etapa que precisa ser bem discutida entre as duas partes para que não haja constantes conflitos entre os familiares. Dessa forma, um estudo feito pela Universidade Estadual da Carolina do Norte mostrou algumas etapas que precisam ser cumpridas para que essa mudança funcione.

A importância da comunicação

(Fonte: Unsplash)(Fonte: Unsplash)

O primeiro passo para quem está pensando em voltar a morar com os pais é trabalhar a parte da comunicação para conseguir vocalizar todas as suas expectativas. Isso vale também para os donos da residência, que precisarão aprender a lidar com sua criança em uma outra fase da vida.

Então, tenha em mente os seguintes questionamentos:

  • Um aluguel deverá ser pago pelo tempo que permanecer em casa?
  • Existirá alguma limitação de horário para que o filho possa entrar e sair da residência?
  • Qual deverá ser a contribuição para as tarefas domésticas?

Esses são alguns tópicos essenciais a serem debatidos para que nenhuma das partes se sinta lesada ou enganada após algum tempo. De maneira geral, esse procedimento costuma ser mais fácil quando os filhos adultos aceitam tranquilamente contribuir com uma maior fatia de afazeres da casa.

Traçar objetivos

(Fonte: Unsplash)(Fonte: Unsplash)

Quando somos mais jovens, morar com os pais traz um grande conforto para que possamos pensar sobre quais objetivos queremos traçar para a vida no futuro. Isso também pode servir para que os filhos mais velhos consigam um tempo para reestruturar suas vidas e pensarem bem qual metodologia adotar para seguir em frente.

Busque expor esses receios e peça ajuda aos seus pais para elaborar algumas metas para o futuro, assim você nunca ficará completamente acomodado por ter voltado para casa. Essa relação de confiança madura entre as duas partes pode ser muito benéfica para que você retome aos trilhos.

Por fim, trate sempre de agir como adulto. Muitas pessoas tendem a retomar comportamentos de criança quando voltam a morar com os pais, ou veem os familiares lhes tratando feito crianças. Sendo assim, se você deseja ser levado com seriedade, demonstre já ser uma pessoa crescida e exija respeito na relação.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.