Máquina de Coca-Cola aceita moedas de qualquer país

Máquina de Coca-Cola aceita moedas de qualquer país

Último Vídeo

(Fonte da imagem: Reprodução/ygawards)

Expandindo a inventividade das máquinas de Coca-Cola que trocam latinhas por abraços ou canções, um novo projeto apresentado por estudantes de publicidade e propaganda da Miami Ad School Madrid apostou na multinacionalidade da marca. Trata-se de uma máquina capaz de aceitar as moedas de quaisquer países.

Intitulada “The Worldwide Machine”, a proposta  dos estudantes Gabriel Morais, Erika Reyes e Sandra Silva veio acompanhada de um texto bastante convincente (em tradução livre do inglês):

“A Coca-Cola não possui mais uma nacionalidade, uma bandeira ou fronteiras. A Worldwide Machine representa exatamente isso. Essa máquina única poderá ser colocada em aeroportos internacionais, aceitando qualquer moeda corrente. Isso porque não importa de onde você veio, a Coca-Cola também é de lá. Trata-se de um bom uso para as moedas que fazem volume, tanto para viajantes que estejam chegando em uma terra estrangeira quanto para aqueles de volta para casa.”

Uma tecnologia bem conhecida

(Fonte da imagem: Reprodução/psfk)

Para além da linguagem publicitária, o aparato será programado para reconhecer cédulas originais, além de definir imediatamente o preço de uma latinha para qualquer moeda — mesmo que o pagamento seja feito com uma combinação de várias.

Mas a tecnologia por trás da novidade não é, de fato, nada de tão novo assim. Trata-se do mesmo mecanismo utilizado em caixas eletrônicos internacionais — por meio dos quais se pode trocar, sacar e depositar dinheiro de diversas nacionalidades —, baseado em sensores magnéticos e calculadoras de conversão.

Seja para dinheiro vivo ou para refrigerantes, trata-se de uma tecnologia muito bem-vinda, sobretudo para eventos internacionais de grande porte — copas do mundo e olimpíadas, por exemplo.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.