Bebê com duas cabeças sobrevive a cirurgia para retirada do órgão extra
117
Compartilhamentos

Bebê com duas cabeças sobrevive a cirurgia para retirada do órgão extra

Último Vídeo

Por incrível que pareça, a condição médica da bebezinha que você está prestes a conhecer — alertamos que as imagens são um pouco fortes — não se refere a um quadro de gêmeos siameses. Na verdade, de acordo com o The Huffington Post, Asree Gul nasceu com uma segunda cabeça, e teve que passar por uma complicada cirurgia para remover o órgão sobressalente. Confira a seguir:

Fonte da imagem: Reprodução/The Huffington Post

O complicado procedimento ocorreu em Chaparhar, no Afeganistão, e foi o primeiro desse tipo a ser realizado em toda a região. A pequena Asree é filha de um casal de agricultores, e a bebezinha também tem uma irmã gêmea  – veja a foto que abre esta matéria —, que nasceu sem maiores complicações.

Os médicos acreditam que a segunda cabeça provavelmente pertencia a um potencial terceiro bebê, que não se desenvolveu corretamente no útero da mãe e acabou se unido ao crânio de Asree. Segundo a publicação, alguns especialistas acreditam que Asree pode ter nascido com uma condição bem rara conhecida como craniopagus parasiticus, que afeta de 4 a 6 humanos em cada 10 milhões de nascimentos.

Um caso semelhante — e bastante famoso — ocorreu no Egito em 2005, e apesar de a cirurgia ter sido realizada com sucesso, a criança desenvolveu uma infecção cerebral e faleceu cerca de um ano mais tarde.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.