Seja o primeiro a compartilhar

5 lugares que você está proibido de visitar

Lugares secretos e proibidos sempre instigam nossa imaginação, e há um fascínio especial em explorar o desconhecido. De redes de túneis subterrâneos a cidades construídas para se protegerem durante guerras, há um mundo escondido sob nossos pés que nos é negado por diversas razões. Vamos desvendar as curiosidades por trás de cinco desses lugares misteriosos.

1) A rede de túneis de Tóquio

Há quem afirme que Tóquio possui 8 vezes mais túneis do que o declarado oficialmente. (Fonte: GettyImages/ Reprodução)Há quem afirme que Tóquio possui 8 vezes mais túneis do que o declarado oficialmente. (Fonte: GettyImages/ Reprodução)

Embaixo das movimentadas ruas de Tóquio, existe uma complexa rede de túneis e passagens que desafiam a imaginação. Um jornalista desvendou discrepâncias entre mapas antigos e novos, revelando não apenas túneis desconhecidos, mas também uma aparente tentativa de ocultá-los. 

Estima-se que cerca de 2 mil km de túneis se estendem sob a cidade, muitos deles construídos durante a Segunda Guerra Mundial e a Guerra Fria. O mistério persiste, sugerindo que esses túneis podem ter usos secretos até os dias de hoje.

2) Os túneis esquecidos Nova York

Há túneis ferroviários em Nova York abandonados desde o século 19. (Fonte: Getty Images/ Reprodução)Há túneis ferroviários em Nova York abandonados desde o século 19. (Fonte: Getty Images/ Reprodução)

Além das icônicas linhas de metrô de Nova York, há uma rede subterrânea de túneis esquecidos e desativados que contam histórias intrigantes. O túnel 61, abaixo do Waldorf Astoria, já serviu a presidentes e foi considerado como rota de fuga para George Bush. 

O Aqueduto de Croton, um aqueduto subterrâneo de 66 km desativado desde a década de 1950, é uma maravilha preservada que transportava água para a cidade. Esses espaços subterrâneos revelam uma Nova York que vai além do que vemos na superfície movimentada da cidade que nunca dorme.

3) Pequim e sua cidade subterrânea

Dixia Cheng foi construída para ser um lugar de refúgio numa possível guerra contra a União Soviética. (Fonte: Wikicommons/ Reprodução)Dixia Cheng foi construída para ser um lugar de refúgio numa possível guerra contra a União Soviética. (Fonte: Wikicommons/ Reprodução)

A Dixia Cheng, ou "cidade subterrânea" de Pequim, é um monumento à engenhosidade humana durante a Guerra Fria. Construída à mão pelos cidadãos para abrigar 40% da população em caso de guerra com a Rússia, a cidade cobre uma vasta área de 85 km². 

Embora apenas uma fração seja aberta a visitantes, os corredores e túneis não explorados abrigam a "Tribo dos Ratos", que são as pessoas pobres que tomaram conta dos pequenos espaços disponíveis no lugar. Este complexo, conhecido como "A Masmorra", continua envolto em segredos e mistérios.

4) Os Túneis de Intriga de Londres

Londres também esconde seus túneis misteriosos que carregam segredos de séculos. (Fonte: GettyImages/ Reprodução)Londres também esconde seus túneis misteriosos que carregam segredos de séculos. (Fonte: GettyImages/ Reprodução)

A história de Londres se desenrola não apenas nas ruas, mas também nos túneis subterrâneos que ligam edifícios governamentais e câmaras secretas. Construídos principalmente pelos Correios, British Telecom e Ministério da Defesa, esses túneis foram projetados para proteger a comunicação e máquinas contra ameaças durante a Guerra Fria. 

A revelação mais recente é o túnel secreto do Postmaster General, emergindo no coração do governo, agora parte do luxuoso hotel "The OWO". O local era o antigo quartel do ex-primeiro-ministro Winston Churchill. 

5) Roma e suas pedreiras seculares

Roma também possui uma vasta área subterrânea onde não podemos entrar. (Fonte: GettyImages/ Reprodução)Roma também possui uma vasta área subterrânea onde não podemos entrar. (Fonte: GettyImages/ Reprodução)

Roma, cidade eterna, esconde um labirinto de túneis e pedreiras que datam de sua fundação. Esses túneis foram usados ao longo dos séculos como catacumbas, esgotos e até mesmo abrigos antiaéreos durante a Segunda Guerra Mundial. 

Recentemente mapeados por geólogos para evitar colapsos, esses túneis são um testemunho do uso adaptativo ao longo da história, desde a Roma Antiga até os dias atuais.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.