Estudo comprova que músicas de hoje em dia são mais barulhentas
44
Compartilhamentos

Estudo comprova que músicas de hoje em dia são mais barulhentas

Último Vídeo

Sabe quando uma mãe ou avó dizem que  a música que os jovens escutam atualmente é mais barulhenta que as de épocas anteriores? De acordo com um estudo feito pela empresa Echo Nest, elas estão certas: as canções de hoje em dia estão mesmo mais "altas".

A companhia analisou as cinco mil faixas mais famosas lançadas desde 1950 e chegou à conclusão de que o barulho cresceu 39% nos últimos vinte anos.

Mas a música ser mais "alta" não é se o som que sai dos seus fones de ouvido pode ser ouvido na outra esquina. O tal barulho medido é a diferença de volume entre os elementos mais baixos e mais movimentados de uma canção.

O barulho cresce ao longo dos anos Fonte da imagem: Reprodução/Echo Nest

Essas partes menos agitadas estariam ficando cada vez mais barulhentas, encurtando cada vez mais a diferença entre esses dois extremos e criando a impressão de que o áudio é mais "pesado", sem que o volume necessariamente esteja maior. A compressão de sons em uma área cada vez menor é o que estaria causando esse efeito de.

Segundo o Echo Nest, isso é uma prova de que as músicas estariam cada vez menos complexas a cada ano, e de que ouvir muitas dessas faixas em sequência causa mesmo uma "fadiga auditiva".

Via Tecmundo

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.