Será que vamos testemunhar um 'bananapocalípse'?
957
Compartilhamentos

Será que vamos testemunhar um 'bananapocalípse'?

Último Vídeo

Já falamos aqui no Mega Curioso sobre alguns produtos alimentícios que podem se tornar escassos no planeta, como é o caso do vinho, do bacon e do chocolate. Outro item a integrar essa lista é a banana, pois, de acordo com o pessoal do site Wired, um relatório publicado pelo periódico científico Nature apontou que a possibilidade de que uma popular variedade da fruta desapareça da face da Terra não só existe como é bastante real.

Segundo a publicação, um fungo mortal para a banana-caturra — conhecida também como Cavendish — está se espalhando pelo mundo e já afetou plantações na Austrália, Tailândia, Indonésia, China, Filipinas, Malásia, Moçambique e Jordânia. A variedade de banana afetada representa 80% das exportações, e os pesquisadores que elaboraram o relatório temem que em breve a América Latina, maior produtora do planeta, também seja atingida.

O fungo maldito — chamado Fusarium oxysporum f. sp.cubense — se tornou imparável e seu alcance intercontinental. Sua ação começa a ser percebida pela coloração amarelada nas extremidades das folhas, que vai avançando e cobrindo a planta com áreas necrosadas. Depois, o sistema vascular da bananeira é bloqueado, provocando o apodrecimento do interior da planta.

Vampirinhos

Fonte da imagem: Reprodução/Wired

Para piorar a situação, a Costa Rica também declarou guerra contra o “bananapocalípse”. Mas, no caso do país americano, são as cochonilhas quem estão atacando as plantações, tornando os frutos impróprios para a exportação. Esses organismos sugam os nutrientes das plantas e são considerados como verdadeiros vampiros herbívoros e, entre insetos e fungos, estima-se que praticamente todo o setor bananeiro seja atingido pelas pragas.

De acordo com a matéria do Wired, os cientistas estão trabalhando para desenvolver uma nova variedade de banana que seja resistente à ação de fungos, mas o progresso nas pesquisas infelizmente tem sido bem limitado. Na década de 50, uma cepa do mesmo fungo que está causando problemas atualmente foi responsável por eliminar das exportações uma variedade de banana chamada Gros Michel, o principal tipo consumido nos EUA na época.

Hoje, essa variedade representa 13% das exportações e, para quem já teve o privilégio de prová-la, a fruta é muito mais saborosa do que a caturra. Assim, o problema com os fungos pode levar os produtores a investir novamente na produção massiva da Gros Michel, e será uma alegria tê-la de volta. Embora existam muitas variedades de banana, nem todas são próprias para exportação, seja pelo seu tamanho, fragilidade da casca ou textura da polpa. 

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.