Seja o primeiro a compartilhar

6 benefícios da gargalhada para o corpo humano comprovados pela ciência

A gargalhada é uma das formas naturais de expressar nossa alegria e contentamento com algo ou alguma coisa, além de ser uma linguagem conhecida universalmente. Porém, o que talvez muitos não saibam é que a ciência já encontrou diversas ligações saudáveis associadas a essa prática.

Caso esteja procurando por um bom motivo para assistir a filmes de comédia ou passar um tempo com aquele amigo que adora contar piadas, veja alguns efeitos da gargalhada para o corpo humano comprovados pela ciência a seguir.

1. Melhora o sono

Gargalhada é forte aliada para uma boa noite de sono. (Fonte: Getty Images)Gargalhada é forte aliada para uma boa noite de sono. (Fonte: Getty Images)

Uma pessoa que gargalha algumas vezes ao longo do dia tende a ter uma noite de sono mais tranquila graças à liberação da melatonina, composto natural que ajuda a induzir o estado de sonolência e também o relaxamento do corpo.

A melatonina inclusive tem alguns outros efeitos no nosso corpo, como a redução do estresse e o relaxamento dos músculos. Por isso, é interessante adotar como hábito a prática de assistir a alguns vídeos engraçados pouco antes de ir para a cama.

2. Aumenta a fertilidade

Casais que gargalham mais tem chances extras de engravidar. (Fonte: Getty Images)Casais que gargalham mais tem chances extras de engravidar. (Fonte: Getty Images)

Se você e seu parceiro ou parceira estão tentando engravidar e não conseguem, aumentar a dose de gargalhadas como casal pode ajudar bastante nesse sentido.

É verdade que apenas gargalhar não vai garantir um bebê já no dia seguinte, mas vai ajudar a diminuir os níveis de cortisol causados pelo estresse e aumentar a circulação da endorfina pelo corpo. Isso vai aumentar o grau de relaxamento e criar um ambiente mais hospitaleiro para a geração de uma nova vida.

3. Combate a dor

Gargalhadas funcionam como analgésico natural. (Fonte: Getty Images)Gargalhadas funcionam como analgésico natural. (Fonte: Getty Images)

Você pode gastar bastante dinheiro com analgésicos e outros remédios para combater a dor e, assim como muitas outras pessoas, talvez nem saiba que a gargalhada pode ser uma excelente aliada nessa batalha por conta da liberação de endorfina.

A liberação da endorfina é bastante benéfica para o nosso corpo, pois ela ajuda a diminuir a percepção da dor caso a cabeça esteja incomodando por algum motivo ou tenha um desconforto de qualquer espécie.

4. Diminui o estresse

Faça a gargalhada tomar o lugar do estresse para uma vida mais saudável. (Fonte: Getty Images)Faça a gargalhada tomar o lugar do estresse para uma vida mais saudável. (Fonte: Getty Images)

Conhece alguém que vive estressado pelos mais diversos motivos? Indique a essa pessoa ver alguns filmes de comédia ou compartilhar momentos felizes com alguns amigos para que a gargalhada faça o seu trabalho.

Novamente, a endorfina é o composto responsável por dar um "chega pra lá" nos estresse e na ansiedade. As gargalhadas também ajudam a estimular outros hormônios, entre eles a dopamina e a serotonina, que são agentes importantes no regulamento do nosso humor.

5. Reforça o sistema imunológico

Além de hábitos saudáveis, gargalhar ajuda a prevenir doenças. (Fonte: Getty Images)Além de hábitos saudáveis, gargalhar ajuda a prevenir doenças. (Fonte: Getty Images)

Mais um bom efeito da gargalhada em nosso dia a dia é melhorar o sistema imunológico, aumentando as defesas contra vírus e bactérias que podem causar doenças.

Sempre que gargalhamos, nosso corpo produz mais células imunológicas e anticorpos, ajudando no combate a vírus e baterias que podem causar problemas e doenças, além de manter as propriedades defensivas em dia.  

6. Combater a hipertensão

A luta contra a hipertensão é algo com que muitas pessoas lidam diariamente, e as gargalhadas podem ajudar a encarar esse problema.

Sempre que gargalhamos, o nosso corpo aumenta o relaxamento dos vasos sanguíneos, permitindo que o sangue volte a fluir novamente em ritmo normal. Além disso, adotar essa prática em uma base regular também vai diminuir as possibilidades de desenvolver doenças cardiovasculares.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.