Seja o primeiro a compartilhar

7 alimentos que aceleram o envelhecimento da pele

Nem sempre refletimos sobre isso, já que é mais fácil ceder aos desejos do nosso paladar, mas os alimentos que ingerimos podem estar alinhados aos nossos objetivos, seja para ter um melhor desempenho em atividades físicas, ganhar massa muscular e mesmo ficar com a pele mais saudável e radiante.

O contrário também é válido, já que há alimentos que acentuam ainda mais o processo de envelhecimento da pele, tornando qualquer tipo de cuidado nesse sentido praticamente nulo. Embora não se trate de algo proposital, considerando isso, é importante evitar o consumo excessivo de determinados pratos.

1. Alimentos processados

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Não é apenas o alto teor de conservantes que coloca esses alimentos como inimigos de uma dieta equilibrada, já que eles também são ricos em sódio.

Ou seja, além de serem refeições de alto valor calórico, ainda há uma maior tendência à retenção de líquidos. Assim, a pele pode apresentar uma aparência mais desgastada, com inchaço.

2. Frituras

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Por mais saborosas que sejam, as frituras prejudicam a saúde da pele. Por contribuir com o aumento da oleosidade, espinhas, cravos e outras erupções cutâneas.

Além disso, os radicais livres liberados no óleo em altas temperaturas provocam perda da elasticidade da pele. Uma saída é apostar em alternativas, seja ao preferir alimentos assados ou utilizando a Air Fryer para reduzir o consumo de óleo. Substituir este pelo azeite de oliva ou óleo de coco também é uma opção interessante.

3. Açúcar

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Responsável por acelerar a degradação do colágeno, o açúcar é considerado nocivo para a pele. Por estar presente em tantas refeições, começando pelo próprio café, ele merece atenção.

O açúcar também é associado à desidratação da pele, deixando-a com aspecto mais seco e envelhecido. Mas, para quem não dispensa um doce, uma sugestão é recorrer a outros adoçantes naturais ou mesmo reduzir o consumo de forma gradual.

4. Bebidas alcoólicas

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

As bebidas alcoólicas geram inúmeros danos ao organismo, e isso não é diferente para o rosto, que fica com um aspecto mais envelhecido. O consumo de álcool é ainda associado ao aumento de rugas.

Nesse cenário, a desidratação concorre de forma bastante pronunciada, explicando o porquê das ressacas serem tão incômodas. Ou seja, se for beber, é recomendado não deixar a garrafinha de água de lado.

5. Biscoito de arroz

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Ironicamente, um snack que ganhou popularidade nas dietas fitness figura entre as opções alimentares que não são saudáveis para a pele. O biscoito de arroz possui altos níveis glicêmicos e, portanto, faz mal à saúde da pele.

6. Barrinha de chocolate

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Assim como o biscoito de arroz, as barrinhas de chocolate possuem açúcar em altas quantidades, com algumas formulações apresentando até gordura hidrogenada na composição. Em suma, tudo o que a pele e o organismo menos precisam.

O cacau também pode ser processado, o que nos leva a mais um problema, cujas consequências já falamos por aqui. Se for recorrer a essa opção, não deixe de dar uma conferida antes. Na dúvida, o chocolate amargo oferece mais benefícios.

7. Pão e demais massas não integrais

(Fonte: Getty Images)(Fonte: Getty Images)

Assim como os doces, os pães fazem parte do café da manhã e dos lanches, mas por conterem farinha de trigo refinada, oferecem riscos para a pele. Por perderem as fibras durante o preparo da farinha, as massas deixam muito a desejar quando consideramos o seu valor nutricional.

Mas, para quem não quer deixar de lado o pão, é recomendado apostar em opções integrais. Assim, além de não deixar a pele com aspecto mais envelhecido, esse tipo de alimento deixa o intestino em equilíbrio.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.