Você se sente mal quando toma leite ou come seus derivados, como queijo e iogurte? Tem dores no estômago, náuseas, indigestão e até diarreia? É bem possível que você tenha intolerância à lactose, um problema bem comum e que é causado quando o corpo não consegue digerir este tipo de açúcar.

Os sintomas costumam aparecer após algumas horas do consumo e dependem diretamente da quantidade de lactose que você ingeriu.

O que é a lactose?

A lactose é produzida nas glândulas mamárias e é o único hidrato de carbono do leite. Quando nascemos, o nosso corpo consegue digerir este açúcar através da lactase – o leite materno possui 7,2% de lactose. Assim, tal substância é quebrada em glicose e absorvida pelo intestino delgado.

As pessoas com intolerância à lactose não produzem lactase suficiente, fazendo com que esta substância seja fermentada por bactérias, causando uma grande produção de gases. Esta condição pode ser genética – vale perguntar para os seus pais como eles se sentem quando ingerem leite – ou pode surgir em decorrência de infecções intestinais, por exemplo.

Alimentos com lactose

Segundo uma pesquisa desenvolvida pela médica gastroenterologista Themis Reverbel da Silveira e pela bióloga Ursula Matte, as pessoas intolerantes são aquelas que não têm esta mutação genética. Há 9 mil anos, nossos ancestrais ingeriam apenas o leite materno. Porém, com a domesticação de animais, passou a ser comum consumir leite de vaca, causando uma mutação no homem, a fim de que o nosso organismo pudesse tolerar melhor esta nova substância.

Intolerância à lactose X alergia à proteína do leite

Diferente da intolerância à lactose, algumas pessoas podem ter alergia à proteína do leite, definida como uma reação aos antígenos do leite de vaca. Nestes casos, o nosso sistema imunológico pode identificar as proteínas do leite da vaca como um agente agressor, causando diarreia, gases, cólicas, lesões na pele e até dificuldade de respirar.

Leite

Tratamento

Infelizmente, não há uma cura para a intolerância à lactose e este é um problema que pode surgir em qualquer idade. A solução é restringir a ingestão de alimentos e bebidas que possuam lactose. Também é possível tomar comprimidos que substituem a lactase, ajudando na digestão.

*Publicado em 12/07/2016