Artista israelense “usa” o Mar Morto para criar obras incrustadas de sal
92
Compartilhamentos

Artista israelense “usa” o Mar Morto para criar obras incrustadas de sal

Último Vídeo

Você já ouviu falar sobre o trabalho de uma artista israelense chamada Sigalit Landau? Nós do Mega Curioso já publicamos uma matéria sobre ela por aqui — mais especificamente, sobre uma obra criada por Sigalit chamada “Noiva de Sal”, que consiste em um vestido que ela mergulhou no Mar Morto por dois anos e que, com o passar do tempo, ficou completamente coberto de sal, dando a impressão de que a peça é feita de cristal. Confira:

Noiva de SalNoiva de Sal (Sigalit Landau/Marlborough Contemporary)

Só que esse vestido que você viu na imagem acima não é a única obra inusitada criada por Sigalit — ou pelo Mar Morto, dependendo de como você analisar a coisa! A artista, na verdade, “usa” esse imenso lago hipersalino para mergulhar todo tipo de objeto e esperar que eles se transformem em esculturas incrustradas de sal. Veja que interessante: 

Vestido de bailarina(Colossal/Sigalit Landau)

De acordo com Kate Sierzputowski, do site Colossal, Sigalit começou a criar suas peças há 15 anos, mais ou menos, e o processo consiste em posicionar cuidadosamente o que quer que ela deseje que o Mar Morto transforme em arte, usar muitos pesos para manter o objeto submerso — uma vez que a alta salinidade torna suas águas extremamente densas evita que os corpos afundem no lago — e esperar que as águas depositem cristaizinhos de sal sobre a superfície dos objetos. Conheça mais esculturas de Sigalit a seguir:

Vestido coberto de sal(Colossal/Sigalit Landau)

Violino no mar(Colossal/Sigalit Landau)

Violino coberto de sal(Colossal/Sigalit Landau)

Sapato de salto meia pata(Colossal/Sigalit Landau)

Par de sapatos(Colossal/Sigalit Landau)

Bicicleta(Colossal/Sigalit Landau)

Par de sapatos(Colossal/Sigalit Landau)

Exposição de arte(Colossal/Sigalit Landau)

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.