Desigualdades: crianças de várias partes do mundo mostram seus brinquedos
773
Compartilhamentos

Desigualdades: crianças de várias partes do mundo mostram seus brinquedos

Último Vídeo

Os retratos que você vai ver a seguir fazem parte de um projeto comandado por Anna Rosling Rönnlund — profissional à frente de uma organização chamada Gapminder Foundation, focada, basicamente, em reunir e disponibilizar ao público dados sobre as desigualdades no mundo. Pois um dos projetos idealizados pela organização consistiu em mobilizar fotógrafos de várias partes do mundo para que eles retratassem crianças das mais diversas origens e camadas sociais com seus brinquedos favoritos ou mais comuns.

Assim, Anna contatou profissionais de várias partes do mundo — que visitaram mais de 260 residências em 50 países diferentes e tinham como missão fotografar uma variedade de objetos (a lista continha cerca de 135 itens), como calçados, utensílios e produtos de higiene pessoal, assim como os brinquedos com os quais as crianças dessas famílias costumam brincar.

Vale mencionar que os orçamentos familiares de todas as casas visitadas variavam entre US$ 29 e mais de US$ 4 mil mensais, e só de ver as fotos das crianças com seus brinquedos é possível observar os abismos que existem mundo afora. Confira os retratos a seguir e se prepare, pois eles farão você repensar muitas coisas sobre as desigualdades que existem pelo mundo e que muitas vezes a gente nem sequer vê:

Esta criança indiana vive em uma família na qual cada adulto recebe US$ 29/mês

Criança com brinquedo(Gapminder Foundation)

Criança do Burundi que vive em uma família na qual cada adulto também traz US$ 29 mensais para casa

Criança com brinquedo(Gapminder Foundation)

Menininho haitiano mostra seu brinquedo favorito — os adultos de sua família recebem US$ 39 mensais

Criança haitiana(Gapminder Foundation)

Garoto boliviano mostra seus brinquedos prediletos — os adultos da casa trazem US$ 254 ao mês

Menino Boliviano(Gapminder Foundation)

Esta menina do Burundi pertence a uma família na qual cada adulto traz US$ 45 mensais para casa

Menina com boneca velha(Gapminder Foundation)

E este garoto de Burkina Faso, que pertence a uma família na qual os adultos recebem US$ 54 mensais, tem como brinquedo favorito um pneu velho

Garoto com pneu velho(Gapminder Foundation)

O garoto haitiano exibindo seu brinquedo predileto — ele faz parte de uma família cujos adultos recebem US$ 102 mensais

Garoto haitiano(Gapminder Foundation)

Menino indiano — de uma família na qual os adultos ganham US$ 65 ao mês — com um taco improvisado de cricket

Menino indiano(Gapminder Foundation)

Esta menina, também indiana, pertence a uma família cujos adultos têm uma renda de US$ 80 ao mês

Menina indiana(Gapminder Foundation)

Garoto palestino com seus brinquedos favoritos — os adultos de sua família trazem para casa US$ 112 mensais

Criança palestina(Gapminder Foundation)

Colombiana mostrando o seu brinquedo — cada adulto de sua casa traz US$ 123 ao mês

Menina com bola(Gapminder Foundation)

Crianças nigerianas com seus brinquedos — por lá, os adultos recebem cerca de US$ 125 mensais

Crianças nigerianas(Gapminder Foundation)

Menino tunisiano exibindo seu brinquedo predileto — ele pertence a uma família cujos adultos recebem US$ 218 mensais

Garoto tunisiano(Gapminder Foundation)

Garotinho jordaniano de uma família na qual cada adulto recebe US$ 249 ao mês

Menino com urso de pelúcia(Gapminder Foundation)

Este menininho de Ruanda é de uma família na qual cada adulto traz US$ 251 ao mês para casa

Criança de Ruanda(Gapminder Foundation)

Brinquedo favorito de uma criança norte-americana que pertence a uma família em que cada adulto recebe mais de US$ 3,4 mil ao mês

Smartphone(Gapminder Foundation)

Este garoto boliviano pertence a uma família na qual cada adulto traz US$ 254 mensalmente para casa

Garoto boliviano(Gapminder Foundation)

Não é brinquedo, mas entrou para a lista mesmo assim! Menino cambojano — cujos familiares recebem US$ 463 ao mês — com sua companheirinha de diversão

Menino com filhote(Gapminder Foundation)

Na casa deste garoto ucraniano, cada adulto recebe cerca de US$ 475 ao mês

Garoto ucraniano(Gapminder Foundation)

Já na casa deste menino letão, cada adulto traz salários de US$ 480 mensais

Menino letão(Gapminder Foundation)

Este mexicano pertence a uma família na qual cada adulto recebe pouco menos de US$ 1,1 mil ao mês

Criança mexicana(Gapminder Foundation)

E este chinês faz parte de uma família na qual cada adulto ganha pouco mais de US$ 2,2 mil por mês

Criança chinesa(Gapminder Foundation)

Este queniano aqui, com seu tablet, pertence a uma família na qual os adultos recebem pouco mais de US$ 3,2 mil

Garoto com tablet(Gapminder Foundation)

E este norte-americano, com seus equipamentos de baseball, vive em uma casa em que os adultos recebem mais de US$ 4,6 mil mensais

Menino americano(Gapminder Foundation)

Brinquedo favorito de uma criança sueca que pertence a uma família na qual os adultos trazem mais de US$ 4,8 mil ao mês para casa

Lego(Gapminder Foundation)

Criança de Burkina Faso com seu brinquedo — em sua casa, os adultos recebem US$ 29 mensais

Criança com pneu velho(Gapminder Foundation)

E na casa deste garoto indiano, os adultos ganham US$ 31 ao mês

Menino indiano(Gapminder Foundation)

*No destaque no início da matéria, o retrato mostra uma criança da Costa do Marfim de uma família na qual cada adulto traz US$ 61/mês.

***

 Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices desse mundão afora! Cadastre seu e-mail e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.