Seja o primeiro a compartilhar

Museu cria funeral de LEGO para ajudar crianças a lidarem com a morte

Como abordar um assunto tão delicado como a morte, com crianças pequenas que ainda não necessariamente conseguem entender o que isso significa? O Museu do Funeral, da cidade de Viena, na Áustria, resolveu experimentar criando conjuntos do brinquedo LEGO em que as crianças podem montar diferentes partes do processo funerário.

Reprodução/Bestattungsmuseum

Pode parecer mórbido para alguns, mas é, na verdade, uma forma lúdica de pais e tutores mostrarem às crianças algo tão natural quanto a morte. “Em 2018 minha equipe e eu estávamos pensando em novos produtos feitos de componentes de LEGO. Tínhamos algumas dúvidas de clientes como: “posso levar meus filhos para o funeral de meu avô?” ou “meus filhos estão de luto, o que posso fazer?” e coisas do tipo,” explica o porta-voz do museus, Dr. Keusch.

Reprodução/Bestattungsmuseum

“Então começamos a ter ideias de como ajudar as crianças a superar o luto. Desenvolvemos um crematório, um cemitério com um coveiro, uma família de luto [...],” continua Keusch e complementa “Nós integramos a Associação Vienense de Psicoterapia e nos asseguramos de que os novos produtos feitos de peças de LEGO seriam uteis para terapia com crianças e para pais cujos filhos estão em processo de luto. Com esses produtos eles podem descrever o processo e as crianças podem lidar com o luto.”

Reprodução/Bestattungsmuseum

O Museu desenvolveu os jogos junto a uma empresa austríaca, que fez embalagens e manuais, mas eles não são LEGOs oficiais e só podem ser adquiridos pelo site ou no próprio Museu. Os preços dos brinquedos variam bastante, entre € 7,99 até €112,90. Dr. Keusch afirma que, apesar do estranhamento e repulsa de alguns, a maior parte das reações aos jogos foi extremamente positiva.

Reprodução/Bestattungsmuseum

Você compraria um desses jogos para seus filhos? Como você abordaria a morte com eles? Conte nos comentários!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.

Comentários

Você já percebeu que passamos por algumas mudanças por aqui, né? Uma delas é melhorar também o nosso campo de comentários - e nada melhor do que você, nosso leitor, para nos ajudar e garantir que a gente esteja no caminho certo. Substituímos temporariamente nossos comentários por uma pesquisa rápida para implementarmos mais uma melhoria. Como você acredita que nossa interação pode ser mais próxima aqui?

CLIQUE AQUI PARA RESPONDER