Por que sentimos vontade de fazer xixi quando ficamos nervosos?

Por que sentimos vontade de fazer xixi quando ficamos nervosos?

Último Vídeo

Quem nunca passou pela situação de, em um momento de muito nervosismo, como antes de falar em público ou participar de uma reunião importante, sentir aquela vontade repentina de fazer xixi? Pois se você pensava que isso era algo que só acontecia com você, saiba que esse aperto inoportuno é muito mais comum do que parece! Mas, e por que sentimos essa urgência de ir ao banheiro quando ficamos nervosos?

Aperto

De acordo com Laura Geggel, do site Live Science, a verdade é que os especialistas não sabem explicar ao certo a razão de termos essa resposta em situações de ansiedade, mas existem teorias. Bem, segundo Laura, o normal é que, quando estamos tranquilos e calminhos, a nossa bexiga fique relaxada — conforme ela vai se enchendo com a urina vinda dos rins. Enquanto isso, o esfíncter que mantém o xixi “preso” dentro dela, permanece fechadinho para evitar “vazamentos”.

No geral, uma bexiga saudável é capaz de comportar cerca de 450 mililitros de urina e, uma vez ela se torna cheia, sinais são enviados até o cérebro que, por sua vez, transmite a informação de que é hora de esvaziar o órgão. Então, quando estamos prontos — de preferência em um banheiro confortável e limpinho —, a bexiga se contrai, o esfíncter relaxa e o líquido é expelido, trazendo aquele alívio.

Mulher apertadaQuem nunca passou por isso? (Did you know)

Segundo Laura, o mecanismo que desencadeia a vontade de fazer xixi é controlado por uma série de fatores, incluindo os nervos que se encontram ao longo da coluna e o funcionamento do cérebro. Já com relação à vontade repentina de esvaziar a bexiga em momentos de nervosismo, uma das suspeitas é que essa resposta esteja associada com a reação de fuga e luta — também conhecida como reação de estresse agudo.

Os cientistas que defendem essa teoria acreditam que a vontade de fazer xixi é estimulada pela tensão e descarga de adrenalina que os nossos organismos experimentam quando ficamos nervosos. Mais especificamente, eles argumentam que, como o sistema nervoso central é ativado para reagir em um maior nível de sensibilidade em situações de estresse, é possível que seja necessário um menor estímulo para ativar o reflexo de esvaziar a bexiga.

Outra teoria seria que a reação de fuga e luta faz com que os nossos rins aumentem a produção de urina e, com isso a bexiga se encha mais depressa e tal. E há quem acredite que, como quando ficamos nervosos os nossos músculos ficam mais tensos, a bexiga, que possui uma camada composta por tecido muscular, se contrai também, desencadeando a vontade repentina de fazer xixi.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.