O que não falta hoje em dia nos salões de beleza é uma gama imensa de cores para pintarmos nossas madeixas. Com a recente tendência das colorações mais vivas e cheias de brilho, então, acabamos com uma paleta cada vez mais variada de opções de cores.

Ainda que seja bacana dar uma repaginada no visual, um estudo realizado recentemente em Londres revela que as mulheres que pintam os cabelos frequentemente têm 14% a mais de chances de desenvolver câncer de mama.

O responsável pela pesquisa, Dr. Kefah Mokbel, do Hospital Princess Grace, diz que o recomendável é que se pinte os cabelos até, no máximo, cinco vezes por ano. Para ele, é bacana procurarmos produtos que sejam mais naturais também.

=/

cabelo colorido

“Embora seja necessário um trabalho adicional para confirmar nossos resultados, nossas descobertas sugerem que a exposição a corantes capilares pode contribuir para o risco de câncer de mama”, disse ele, em declaração publicada no The Independent.

Mokbel frisou, ainda, que essa associação entre uma coisa e outra não representa uma evidência sólida de causa e efeito. Outros estudos, no entanto, como o citado por Sanna Heikkinen, e que foi realizado na Finlândia, também já tinham encontrado uma relação entre pintar os cabelos e um aumento no risco de desenvolver câncer de mama.

Assim como Mokbel, Heinkkinen disse que não se pode ter certeza ainda sobre o assunto: “Pode ser, por exemplo, que as mulheres que usam corantes capilares também usam outros cosméticos mais do que as mulheres que relataram nunca usar corantes capilares”, explicou.