Entenda de uma vez por todas como o fast food está acabando com o seu corpo
318
Compartilhamentos

Entenda de uma vez por todas como o fast food está acabando com o seu corpo

Equipe MegaCurioso
Último Vídeo

1 – Nem seu cérebro escapa

comida

Quando falamos sobre comer fast food versus saúde, tendemos a pensar em questões relacionadas à obesidade, mas esse tipo de alimento também prejudica o funcionamento do cérebro. Estudos sobre esse tema revelaram que quem come fast food regularmente tem riscos mais elevados de produzir um tipo de insulina que muda o funcionamento do cérebro.

Para piorar, dietas pobres em nutrientes aumentam nosso colesterol e a pressão sanguínea, o que é um fator que favorece o desenvolvimento da demência. O consumo moderado de lanches de fast food obviamente não faz mal, mas é preciso que esse tipo de alimentação não seja exclusivo.

2 – Máquinas de refrigerante têm bactérias fecais

Geralmente combinamos o sanduíche escolhido com um imenso copo de refrigerante, e o problema é que aquelas máquinas que servem a bebida são cheias de bactérias – inclusive coliformes fecais. O problema dessas bactérias, além do fato que elas são nojentas, é que elas nos tornam resistentes a alguns tipos de antibióticos também. Além do mais, refrigerantes devem ser consumidos o mínimo possível.

3 – Nem o pão é saudável

fast food

Ainda que hoje estejamos mais atentos ao que comemos, a verdade é que muitas redes de fast food investem em pães ricos em conservantes e em produtos que fazem com que eles durem mais tempo. Só para você ter ideia, um composto químico chamado Azodicarbonamida já foi usado para esse fim – o mesmo composto estava presente em produtos de borracha sintética.

4 – A qualidade da carne é aleatória

Talvez você não saiba, mas um hambúrguer não é feito apenas da carne de um animal: esse tipo de produto é feito com cortes e pedaços que seriam descartados de vacas e de galinhas. Quando toda essa carne é misturada, não é possível saber se algum pedaço de carne estragada tenha participado da mistura...

5 – Milkshakes também não são uma boa pedida

Infelizmente, um milkshake de morango não é feito com morangos frescos, salvo algumas exceções. O gosto que você atribui a determinados sabores é, na verdade, uma mistureba de agentes químicos de sabor que não contribuem em nada para a saúde do seu corpo – muito pelo contrário! Alimentos artificiais devem ser evitados o máximo possível.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.