Descobriram que além de serem venenosos, os peixes-pedra nadam “armados”
277
Compartilhamentos

Descobriram que além de serem venenosos, os peixes-pedra nadam “armados”

Último Vídeo

Os peixes-pedra, como você deve saber — e se lembrar do que acontece com Emmeline no filme “A Lagoa Azul —, estão entre os peixes mais venenosos do mundo. Pertencentes ao gênero Synanceia, eles podem ser encontrados nas regiões litorâneas do Índico e do Pacífico e são conhecidos por produzir uma potente substância neurotóxica que pode ser fatal para os seres humanos.

Ilustração de peixe pedraO bicho é feio, coitado... (Wikimedia Commons/J.F. Hennig/Domínio Público)

Geralmente, os incidentes envolvendo humanos acontecem quando alguém acidentalmente entra em contato com as espinhas que existem no corpo desses perigosos animais e a toxina entra na corrente sanguínea. Só que, de acordo com Jacinta Bowler, do site Science Alert, um time de pesquisadores descobriu que os peixes-pedra contam com uma arma secreta!

Além das espinhas venenosas, esses têm o que os cientistas chamaram de “sabre lacrimal” — que consiste em um espinho extra que fica logo debaixo de cada um dos olhos e que pode ser “acionado” para desferir ataques laterais, aplicados com a cabeça. Confira na imagem a seguir:

Sabre lacrimal do peixe pedraViu só o sabrezinho venenoso do bicho? Como se ele já não fosse sinistro o suficiente... (Science Alert/Smith et al./Copeia)

 E como é que a arma secreta funciona?

Segundo os pesquisadores que descreveram a existência desses espinhos marotos, os peixes-pedra são equipados com uma porção de músculos e outras estruturas na região dos olhos e dos maxilares que eles reaproveitam para movimentar o “sabre” e fazer com que ele se eleve e fique na posição horizontal. Quando não está em uso, o espinho fica deitadinho na face do peixe — até que seja necessário que ele lance um ataque surpresa mortal!

Foto de um peixe pedraFeio e muito perigoso (Wikimedia Common/SeanMack)

Na realidade, como se trata de uma estrutura externa e que fica na cara do peixe, os cientistas já sabiam de sua existência há vários anos. Entretanto, como os peixes-pedra pertencem a um gênero muito pouco estudado, ninguém havia analisado o espinho em detalhe e descrito sua função e mecanismo. Agora, graças ao estudo conduzido agora, sabemos que esses animais podem ser ainda mais perigosos do que se pensava.

Confira a seguir outras criaturas letais que existem no planeta:

***

Sabia que fãs de filmes e séries agora estão no Clube Minha Série? Neste espaço, você também pode escrever e encontrar outros especialistas sobre seus programas favoritos! Acesse aqui e participe.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.