Teoria relaciona Ursinho Pooh e seus amigos a transtornos mentais
25
Compartilhamentos

Teoria relaciona Ursinho Pooh e seus amigos a transtornos mentais

Último Vídeo

Recentemente, chegou aos cinemas o filme “Christopher Robin – Um Reencontro Inesquecível”, no qual o personagem principal, apresentado como criança nas histórias do Ursinho Pooh, reencontra seus velhos amigos agora na fase adulta. Por conta disso, ressurgiu a teoria de que Pooh, Leitão e outros personagens do Bosque dos 100 Acres representam transtornos mentais – e é aí que entram os Tips do Canal Mega Curioso para contar essa história.

O Ursinho Pooh e seus companheiros surgiram em 1924 através da mente criativa do escritor inglês Alan Alexander Milne. O autor se inspirou em um boneco de pelúcia de seu filho, Christopher Robin, que também acabou se tornando personagem das historinhas. No Bosque dos 100 Acres, além de Pooh, vivem o burrinho Bisonho, o canguru Guru e sua mamãe Can, o tigre Tigrão, o porquinho Leitão e muitos outros.

pooh

Em 2000, a Associação Médica Canadense publicou um relatório chamado “Patologia no Bosque dos 100 Acres: Uma Perspectiva Neurodesenvolvimentista Sobre A. A. Milne”, no qual são traçados paralelos entre os personagens criados pelo autor e seus possíveis transtornos mentais.

Segundo a autora do trabalho, Sarah Shea, trata-se, é claro, de uma ironia, mostrando que qualquer pessoa pode ter algum tipo de distúrbio mental. Ter isso reavivado agora em setembro, o mês em que mais se discute ações sobre prevenção do suicídio, é uma forma de relembrarmos a importância de discutirmos esses transtornos.

pooh

Agora, sem mais lero-lero, quais seriam os transtornos dos amigos do Pooh? Confira:

O Ursinho Pooh representaria o déficit de atenção e o transtorno obsessivo compulsivo (TOC). Ele tem dificuldade de manter o foco e é descontrolado por conta do mel, seu alimento favorito. Pooh também tem uma obsessão em contar todos os seus potes com o produto precioso das abelhas.

O , também chamado de Bisonho, é o retrato da depressão. O burrinho vive triste e melancólico, sempre achando que tudo vai dar errado. Já o Leitão é o oposto: é a cara da ansiedade! O porquinho quase nunca consegue relaxar, preocupando-se com todos os seus amigos.

leitão

O Tigrão sofreria de hiperatividade. Você já o viu parado? Difícil, né? Ele está sempre saltitando e treinando seu “Super-uper-hiper-liper pulo do Tigrão”, além de falar como uma matraca, é claro... Enquanto isso, o coelho Abel é a face do narcisismo, sempre achando que está certo e é o mais importante em qualquer situação.

Por fim, o Christopher Robin representa a esquizofrenia. O menino real que inspirou a história teria múltiplas personalidades, transferido suas personalidades e seus problemas para cada um dos personagens que ele inventou. Será?

tigrão

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.