Indiano leva picada de cobra na língua para combater crises de abstinência
Seja o primeiro a compartilhar

Indiano leva picada de cobra na língua para combater crises de abstinência

Último Vídeo

Ficou confuso com o título da matéria? Nós aqui do Mega confessamos que também achamos esse papo bem estranho, mas parece que a essa coisa de combater os efeitos de crises de abstinência com picadas de cobra não é mentira, não! Afinal, de acordo com Brett Tingley, do site Mysterious Universe, um time de cientistas indianos inclusive chegou a publicar um estudo de caso sobre isso (você pode acessar o artigo através deste link).

Perigo

O homem em questão seria um rapaz de 33 anos com uma história de 15 anos de abuso de drogas. A identidade do jovem não foi revelada, mas, segundo os pesquisadores, ele começou a beber e fumar aos 18, aos 24 já havia se tornado dependente e, aos 25, passou a consumir ópio também. Quando essas substâncias deixaram de produzir o efeito desejado, o cara ouviu de um amigo que levar picadas de cobra na língua era uma loucura.

Encantador de serpentePense no perigo! (Video Blocks)

Bem, enquanto a maioria de nós, nessa situação, entende a palavra “loucura” em seu sentido literal — ou você acha normal alguém deixar uma serpente cravar as presas em sua língua e injetar veneno? —, os dependentes em crise de abstinência são capazes das coisas mais bizarras e perigosas por um barato.

E lá foi o indiano procurar encantadores de serpentes para conseguir uma injeção de veneno (irônico como isso soa, né?) — e, sim, eles ajudaram o dependente a levar uma picada na língua. O rapaz contou aos pesquisadores que, pouco depois da dose, sua visão ficou toda embaçada, seu corpo começou a contorcer, e ele perdeu o controle de seus próprios movimentos.

Mas, após essa etapa inicial, o indiano disse que foi invadido por uma sensação de incrível bem-estar que durou entre 3 e 4 semanas. O jovem revelou que, durante o período em que seu organismo esteve sob o efeito do veneno, ele não sentiu qualquer vontade de consumir álcool ou ópio e reduziu dramaticamente o uso dessas substâncias. Por outro lado, o cara passou a buscar as picadas regularmente para ficar longe das drogas — francamente, não sabemos o que é mais perigoso!

Possível tratamento?

Vamos deixar uma coisa bem clara: o que o indiano fez é absurdamente arriscado, portanto nunca, jamais, em hipótese alguma, tente fazer o mesmo, uma vez que as toxinas injetadas pelas cobras podem ser letais. No entanto, o artigo publicado pelos pesquisadores sugere que o veneno poderia ser usado para ajudar no tratamento da dependência de determinadas classes de drogas.

Veneno de cobraVai uma gotinha aí? (Azer News)

Pode parecer maluquice indicar o uso de substâncias potencialmente letais para combater o vício em outras, melhorar a qualidade de vida das pessoas e sanar doenças. Mas, como você deve saber, não é de hoje que os efeitos medicinais do veneno de cobras são estudados.

Inclusive, as toxinas já são empregadas no tratamento de enfermidades como desordens sanguíneas, pressão alta e problemas coronarianos, por exemplo. Além disso, não podemos nos esquecer que existem registros históricos que indicam que os indianos mesmo e os chineses já receitavam essas substâncias como remédio há milênios. Assim, talvez fosse uma boa dar uma investigada nessa alternativa, especialmente considerando que a dependência em substâncias opioides não para de aumentar pelo mundo.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.