Segundo novo estudo, tratamento para apendicite não precisa ser cirúrgico
160
Compartilhamentos

Segundo novo estudo, tratamento para apendicite não precisa ser cirúrgico

Último Vídeo

Quase sempre que uma pessoa recebe o diagnóstico de apendicite, ela já sabe que será submetida a uma cirurgia de retirada de apêndice, certo? Ainda que o procedimento seja tranquilo e muito seguro, a verdade é que, se houvesse um jeito de resolver o problema sem precisar da cirurgia, seria muito melhor, não é?

Um estudo divulgado pelo Live Science mostra o resultado de uma análise feita ao longo de 5 anos de 250 adultos que tiveram apendicite e trataram a doença com antibióticos e de 270 adultos que trataram com cirurgia.

Ao fim da pesquisa, que foi realizada na Finlândia, dois terços das pessoas que receberam antibiótico foram consideradas “tratadas com sucesso”, o que significa que não tiveram nova crise de apendicite. O restante dos pacientes precisou passar por procedimento cirúrgico para remover o órgão inflamado, mas nenhum deles apresentou piora no quadro em decorrência do tempo a mais que esperaram para decidir pela cirurgia.

Comparações

apendicite

Os pacientes tratados com antibióticos também tiveram menos complicações e ficaram menos tempo afastados do trabalho em relação aos que se submeteram à cirurgia. “O tratamento com antibióticos em vez da cirurgia é uma opção factível, viável e segura”, defende a autora, Dra. Paulina Salminen, cirurgiã no Turku University Hospital.

Esse não é o primeiro estudo feito para mostrar que antibióticos são eficazes no tratamento da apendicite, mas o destaque da pesquisa conduzida pela Dra. Salminen é justamente o longo tempo de acompanhamento dos pacientes.

Vale frisar que nenhum dos participantes teve complicações graves em decorrência da doença, o que significa que o apêndice não rompeu devido à inflamação. De acordo com o Dr. Edward Livingston, essa pesquisa nos ajuda a compreender que nem todo caso de apendicite é sinônimo de emergência cirúrgica.

Ele afirma que o ideal seria que pacientes com apendicite fossem primeiramente submetidos a tratamentos com antibióticos, sabendo que as chances de resolução do problema dessa forma são grandes.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.