Seja o primeiro a compartilhar

Ansiedade pode estar relacionada às mitocôndrias

Responsáveis por fornecerem energia às nossas células, as mitocôndrias podem ser as causadoras dos primeiros sintomas da ansiedade. É o que dizem pesquisadores da universidade de Helsinque, na Finlândia, que realizaram testes com camundongos para estudar como começa uma crise que deixa a pessoa muito ansiosa.

Em muitos casos, a ansiedade pode aparecer depois de situações estressantes ou tristes. Porém, o que se tem notado com uma frequência cada vez maior é que nem todas as pessoas que têm crises de ansiedade passam necessariamente por situações tão extremas. 

O mistério da ansiedade

Por isso, os cientistas finlandeses resolveram fazer testes em ratos que foram expostos a altos níveis de estresse. O que chamou a atenção dos pesquisadores foi que, ao serem submetidos a esses momentos, uma determinada região do cérebro dos bichos teve bastante reação, deixando mais claro onde o sintoma inicial aparece. Uma análise mais detalhada dos dados mostrou que houve alterações nas mitocôndrias das células cerebrais dos ratos, enquanto que em outro grupo, que não foi submetido aos testes, não houve nenhuma mudança.

O comunicado oficial da pesquisa diz que ainda é muito cedo para compreender como o estresse crônico pode afetar o metabolismo celular, mas os dados preliminares servem como uma importante base para que novas terapias surjam para tratar a ansiedade e outros sintomas e doenças relacionadas ao estresse.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.

Comentários

Você já percebeu que passamos por algumas mudanças por aqui, né? Uma delas é melhorar também o nosso campo de comentários - e nada melhor do que você, nosso leitor, para nos ajudar e garantir que a gente esteja no caminho certo. Substituímos temporariamente nossos comentários por uma pesquisa rápida para implementarmos mais uma melhoria. Como você acredita que nossa interação pode ser mais próxima aqui?

CLIQUE AQUI PARA RESPONDER