Cães e gatos apreciam a música colocada para eles ouvirem?

Cães e gatos apreciam a música colocada para eles ouvirem?

Último Vídeo

Quem tem um pet sabe como é difícil sair e deixar o animalzinho sozinho em casa — mesmo que por apenas uns minutinhos. Com o objetivo de entender como as pessoas tentavam lidar com essa situação, algumas pesquisas levantaram informações interessantes sobre os hábitos dos donos em relação aos seus bichos de estimação.

Em 2017, uma pesquisa realizada com aproximadamente 2 mil britânicos donos de cães constatou que 40% deles deixavam o rádio ligado quando saíam de casa para que seus pets não se sentissem sozinhos. Cerca de 32% admitiram deixar a TV ligada com o mesmo propósito. Um outro estudo realizado em 2015 não chegou a resultados muito diferentes. Ou seja, a prática é mais comum do que se imagina, o que gera, em muitos, a dúvida se esse cuidado é apreciado pelos cães e gatos.

(Fonte: Pixabay)

O estudo desenvolvido em 2002 pela psicóloga Deborah Wells, da canadense Queen's University, consegue responder a essa dúvida, uma vez que analisou o comportamento dos animais nessa situação específica. O estudo envolveu a reprodução de algumas músicas por meio de alto-falantes para um grupo de 50 cães do Reino Unido. No final do experimento, foi colocado um CD que continha apenas sons de vozes humanas. A reação dos animais foi observada. 

Resultado

Foi percebido que a música definitivamente exercia um efeito nos cães. A música clássica foi associada a um efeito calmante nos animais, que reduziram suas atividades enquanto ouviam as melodias. A música da banda Metallica pareceu deixar os cães mais agitados, por outro lado. Além disso, o CD com as falas humanas e um outro com música pop não causou nenhum efeito perceptível nos cães.

(Fonte: Pixabay)

E quanto aos gatos?

No caso dos gatos, pesquisadores da Universidade de Wisconsin-Madison perceberam que 46 gatos que participaram de outro estudo responderam melhor aos sons que foram desenvolvidos especialmente para a audição deles e deram menos atenção à música clássica. Tudo indica que os gatos não possuem a mesma relação com a música que os cães, até porque os felinos podem ouvir sons com frequências diferentes.

Isso explica por que cada pet pode se identificar com um determinado tipo de música. O que se sabe, até o momento, é que os animais reagem melhor aos sons que correspondem ao próprio alcance vocal.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.