Sars-Cov-2 encontrado em morcegos nega teorias de origem laboratorial

Sars-Cov-2 encontrado em morcegos nega teorias de origem laboratorial

Último Vídeo

A origem do novo coronavírus, que causa a covid-19 e razão da quarentena e isolamentos sociais, é uma questão que gera debates e, em alguns casos, até teorias conspiratórias dando a entender uma criação laboratorial e uso como arma química. 

Entretanto, um estudo feito por pesquisadores chineses identificou uma espécie da mesma família do Sars-CoV-2 em morcegos. A descoberta refuta as teorias conspiratórias e reacende uma possível de que o vírus tenha sofrido uma mutação natural e, dessa forma, contaminado os humanos.

(Fonte: Pexels)(Fonte: Pexels)

A descoberta do RmYN02

RmYN02 é o nome dado para o vírus que está presente nos morcegos e que acreditam ser o patógeno do novo coronavírus. Essa possibilidade apresenta, mais uma vez, a possibilidade destes animais serem os hosts naturais da Sars-CoV-2 e, portanto, a origem da covid-19 e da pandemia que está sendo enfrentada.

(Fonte: Pexels)(Fonte: Pexels)

A certeza da proximidade e até da conexão entre os dois vírus vem de um estudo feito pro chineses da cidade de Yunnan. Eles utilizaram amostras do genoma de ambos os vírus, coletadas no segundo semestre de 2019, e descobriram que o RmYN02 divide 93% do RNA da Sars-CoV-2. 

Ambos os vírus têm inserções incomuns de aminoácidos nas subunidades S1 e S2  da proteína de pico do vírus. Ainda que essa inserção possa ser feita de forma laboratorial, a semelhança de RNA entre os dois corrobora à possibilidade de que tenha sido uma mutação natural que gerou o causador da covid-19. 

Por que as teorias conspiratórias?

A base para essas ideias não é, em sua maioria, maligna. Na verdade, a preocupação e as teorias nascem por conta da Sars que atingiu o mundo em 2002.  Após ela matar 800 pessoas pelo mundo, uma nova onda quase aconteceu quando um descuido no Instituto Nacional de Virologia de Pequim contaminou pesquisadores com a doença.

(Fonte: Pexels)(Fonte: Pexels)

A ocasião é utilizada por conspiradores, incluindo o presidente americano Donald Trump, para dizer que o Sars-CoV-2 nasceu nos laboratórios chineses. Porém, os resultados apresentados pela pesquisa em Yunnan, ainda que não tragam uma certeza definitiva, com certeza endossam a possibilidade da mutação natural do RmYN02.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.