Orcas estão atacando barcos a vela aparentemente de propósito

Orcas estão atacando barcos a vela aparentemente de propósito

Último Vídeo

Segundo uma reportagem publicado no jornal britânico The Guardian no domingo passado (13), vários incidentes vêm ocorrendo nos últimos dois meses, na região costeira da Espanha, provocados por aparentes ataques de orcas a barcos a vela.

Após os preocupantes confrontos, marinheiros têm enviado pedidos de socorro. Dois desses barcos perderam parte dos seus lemes, e pelo menos um membro da tripulação sofreu hematomas com o impacto dos golpes. Diversas embarcações sofreram danos importantes.

Os ataques

Descrevendo o último incidente, ocorrido na sexta-feira passada (11) na costa norte de La Coruña, o diretor da empresa Halcyon Yachts, Pete Green, explicou que sua empresa transportava passageiros em um barco de 36 pés (11 metros) para o Reino Unido, quando uma orca bateu na popa pelo menos 15 vezes.

Enquanto esse barco britânico sem direção era rebocado para o porto para avaliar os donos, perto dali alertas de rádio relatavam avistamentos de orcas 70 milhas ao sul, em Vigo, onde pelo menos dois "ataques" do tipo ocorreram: a um navio francês e ao iate naval espanhol "Mirfak".

Fonte: ShutterstockFonte: Shutterstock

As orcas

Mamíferos sociais altamente inteligentes, as orcas são os maiores membros da família dos golfinhos. Pesquisadores que estudam pequenas comunidades de orcas, chamadas "vagens", no Estreito de Gibraltar, disseram-se perplexos com o comportamento desses mamíferos.

Segundo os estudiosos, as orcas normalmente acompanham os barcos de perto, até mesmo para interagir com o leme, mas jamais com a força sugerida pelos relatos. 

Os cientistas ainda não têm certeza do que está causando esse comportamento agressivo, embora seja possível que uma única vagem seja responsável por todos os ataques. 

Entre as explicações cogitadas para a hostilidade das orcas, destaca-se o estresse motivado pela escassez de recursos na área, uma vez que humanos pescam o atum, principal alimento daqueles animais. 

Outra teoria diz respeito à pandemia do coronavírus. Tendo em vista que, durante os bloqueios, menos navios saíam dos portos, pode ser que as orcas tenham se acostumado a águas mais calmas. À medida que o trânsito no local foi aumentando, elas simplesmente teriam reagido ao aumento da agitação.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.