11
Compartilhamentos

6 fatos completamente nojentos sobre a pele humana

Um fato incontestável é que a pele é o maior órgão do corpo humano. Por mais que o cérebro, o coração ou até mesmo os pulmões ganhem mais atenção, o tecido que reveste nosso corpo é completamente essencial para a nossa existência e simplesmente protege a nossa carne de apodrecer constantemente.

Entretanto, para que isso seja cumprido, a pele também foi programada para morrer o tempo todo, o que pode causar algumas consequências verdadeiramente nojentas. Pensando nisso, nós listamos seis fatos sobre essa importante parte da sua existência que podem acabar revirando o seu estômago. Olha só!

1. Fungos no pé

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Talvez você não saiba, mas os seus pés são um verdadeiro paraíso para o desenvolvimento de fungos, e não são apenas uma ou duas espécies de fungos que habitam o seu corpo neste instante, são várias! 

Segundo um estudo feito pelo Instituto Nacional de Pesquisa do Genoma Humano, cerca de 40 fungos moram entre os dedos dos pés e mais de 60 criaram residência por baixo das unhas. Entretanto, o lugar mais chamativo é o calcanhar com impressionantes 80 espécies de fungos.

2. Transformação em escamas

(Fonte: Internet/Reprodução)(Fonte: Internet/Reprodução)

A pele é formada por uma complexa gama de células, o que pode resultar em algumas falhas genéticas no decorrer do tempo. Esse é o caso de quem sofre da enfermidade ichthyosis vulgaris, que ficou conhecida como "doença das escamas de peixe".

Nesse caso, um gene defeituoso faz a pele descamar ainda mais vagarosamente, fazendo a queratina acumular na superfície do corpo formando uma camada parecida com a pele de répteis e peixes. 

3. Livros humanos

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Você sabia que existem 18 edições confirmadas de capas de livros criadas com pele humana? Estranhamente, não há nenhum padrão entre eles que explique a existência dessas bizarras obras, ou seja, não sabemos se foram criados por rituais religiosos, profissões ou algum grupo de indivíduos específico.

4. Sapatos de couro

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

Ao longo da história, são vários os usos bizarros da pele humana, e um exemplo disso é o que foi feito com o cadáver do criminoso Big Nose George. Ele foi executado e teve a pele removida pelo Dr. John Eugene Osborne, a qual foi usada para a confecção de sapatos que o médico vestiu durante a sua eleição como terceiro governador do Wyoming. 

5. Alergia

(Fonte: Unsplash)(Fonte: Unsplash)

Se você é alérgico à poeira, saiba que você é também alérgico à própria pele. Segundo estudos recentes, cerca de 40% a 80% do material presente na poeira da sua casa é composto de pele morta. Isso não é uma surpresa muito grande, visto que estamos descamando o tempo todo. 

6. Suor constante

(Fonte: Pixabay)(Fonte: Pixabay)

A pele humana não é composta apenas de células mortas. Na verdade, ela está o tempo todo trabalhando, produzindo sebo e muito suor. Ao longo do corpo, são mais de 10 milhões de glândulas sudoríparas que podem produzir até 11 litros de suor em um dia quente de verão. 

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.