Seja o primeiro a compartilhar

Gelo frazil: o fenômeno que atrai turistas, mas é um perigo ambiental

Um estudo de 2014 realizado pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) levantou que o clima frio é mais mortal do que o clima quente, e os números não negam. Segundo um relatório publicado na Lancet Planetary Health, em julho de 2021, por um grupo de pesquisadores da Universidade de Monash, Austrália, e da Universidade Shandong, China, estima-se que 4.6 milhões de pessoas tenham morrido anualmente entre 2000 e 2019 devido ao frio extremo.

Nos Estados Unidos, 2 mil pessoas morreram por exposição a climas extremos, das quais 63% foram de frio natural excessivo, hipotermia ou ambos. No entanto, em nenhum desses casos foi considerado um grande inimigo, principalmente dos motoristas: o gelo. Mas não qualquer tipo, o gelo frazil.

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Segundo as estatísticas da Administração Federal de Rodovias do Departamento de Transportes dos EUA, 11% das lesões relacionadas ao clima nas estradas, em uma média anual de 41.860 pessoas entre 2007 e 2016, foram em decorrência de gelo. Mais de 1.300 pessoas morrem todos os anos no país e quase 117 mil ficam feridas em acidentes de carro nessas condições.

A leste de São Francisco, na Califórnia, os motoristas sofrem com o fenômeno do gelo frazil, que se mostra tão perigoso quanto turístico.

Leia também: Veja como é feito o pykrete, o gelo mais forte do mundo

A ameaça branca

(Fonte: David Mark/Pixabay)(Fonte: David Mark/Pixabay)

O frazil é um conjunto de cristais de gelo que lembra lodo, de aparência ligeiramente oleosa quando visto em uma superfície aquática. É mais comum de se formar em rios, lagos e oceanos em noites claras, quando o clima é mais frio e a temperatura do ar pode chegar a -6 °C ou menos, o primeiro estágio de desenvolvimento do gelo marítmo. 

O gelo frazil se origina de vapores gelados na água, em um fenômeno de aparência praticamente etérea, o que pode acontecer na própria névoa de uma cachoeira, por exemplo, se o fluxo de água estiver a uma velocidade e temperatura ideal.

(Fonte: Shutterstock)(Fonte: Shutterstock)

Contudo, toda essa beleza que o frazil inspira, atraindo turistas de várias partes dos EUA para lugares como o Parque Nacional de Yosemite, pode causar alguns perigos ambientais.

Xing Song, um dos co-autores do artigo Impacts of Frazil Ice on the Effectiveness of Oil Dispersion and Migration of Dispersed Oil explica como a formação do frazil pode afetar a eficácia dos componentes dispersantes químicos (uma opção viável para amenizar os efeitos da poluição causada por derrames de óleo e derivados do petróleo no mar).

No gélido Ártico, o frazil se tornou uma armadilha organizacional e ambiental porque inibe a eficácia dos químicos ao atenuar a velocidade da água, encapsulando de 11 a 30% do óleo disperso.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.