Pessoas mais altas têm melhor percepção do espaço, de acordo com a ciência
397
Compartilhamentos

Pessoas mais altas têm melhor percepção do espaço, de acordo com a ciência

Último Vídeo

O nadador Michel Phelps tem 1,93 m de altura. Já o corredor Usain Bolt tem 1,95 m. Hope Solo, e a goleira norte-americana mede 1,75 m. Todos possuem como característica comum o fato de serem relativamente mais altos que companheiros nos esporte que praticam. Agora, os cientistas conseguiram notar que a altura interfere, sim, no rendimento de alguns atletas.

De acordo com os pesquisadores da Universidade de Ohio, nos Estados Unidos, a percepção espacial de pessoas mais altas é maior do que pessoas com estatura menor – mesmo que os baixinhos estejam sobre caixotes para nivelar a altura, por exemplo. Acredita-se que a capacidade de compreender melhor o espaço é uma noção adquirida pelos altões ao longo de sua vida.

Isso poderia explicar como Phelps, Bolt e Solo se destacam tanto em seus esportes. Mas não apenas eles: o jogador de futebol Peter Crouch mede 2,01 m, a tenista Venus Williams tem 1,85 m, e ambos também possuem um grande domínio de suas atividades em quadras e gramados. 

Altura de Venus Williams pode ter contribuído para ela conquistar 4 ouros olímpicos e 22 torneios Grand Slam (sendo 7 deles individualmente)

Salto alto ajuda?

O estudo foi realizado com 12 pessoas altas e 12 pessoas baixas. Elas precisaram prever a distância de um ponto de luz específico em três situações diferentes: com claridade total, com breu total e com uma luminosidade baixa na cor vermelha. No recinto, uma LED verde acendia a uma distância entre 3 e 20 metros, restando aos voluntários prever a sua distância exata.

O foco principal da pesquisa era durante a escuridão, já que os cientistas queriam entender como as pessoas assimilam informações ao seu redor para tomar decisões quando estão enxergando. As pessoas mais altas foram melhores em todos os testes: mesmo se comparados com os baixinhos sobre plataformas e até mesmo fazendo repetindo os testes sentados em cadeiras.

O professor Teng Leng acredita que o fato de as pessoas altas estarem acostumadas com a altura faz com que elas tenham uma percepção melhor do chão, do ambiente e das distâncias. O estudo não levou em conta, entretanto, pessoas que estejam acostumadas a andar de salto alto, mas acredita-se que elas também possam desenvolver uma percepção semelhante.

Mesmo quando os mais baixinhos repetiam os testes sobre plataformas, o resultado era inferior ao de voluntários mais altos fazendo os testes sentados

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.