Mulher bate em carro de motorista bêbado e salva casal com bebê

Mulher bate em carro de motorista bêbado e salva casal com bebê

Último Vídeo

Muitas vezes, para se tornar um herói tudo o que você tem a fazer é estar no lugar certo na hora certa.

Foi o que aconteceu no último dia 14 de outubro, na cidade de Phoenix, no estado americano do Arizona, com uma mulher de 27 anos. De forma quase automática, e talvez até sem querer, ela colidiu seu carro com o de um motorista bêbado que havia avançado o sinal vermelho, salvando as vidas de uma família que atravessava a rua na hora.

Naquela segunda-feira, Shannon Vivar dirigia seu Chevy Cruze quando, ao passar pelo cruzamento, colidiu violentamente com um Jeep Renegade que avançou o sinal em alta velocidade indo em direção a um casal que atravessava a rua com o seu bebê de 11 meses num carrinho. 

O Departamento de Polícia de Phoenix compartilhou as imagens impressionantes da câmera de segurança dois dias depois. O vídeo mostra que a violenta batida entre os dois carros ocorre a menos de meio metro da família.

Shannon disse que não se sentia como uma heroína, mas acredita que o seu ato é o que deveria realmente ter ocorrido para salvar aquelas pessoas do atropelamento. "Mesmo não tendo sido a minha intenção, a forma como eu vejo é a seguinte: era para ter acontecido exatamente daquela maneira", disse aos jornalistas.

A família

Ao assistir ao vídeo, Gabrielle Burns, a mãe do bebê, diz não acreditar que o acidente tenha acontecido tão próximo.

Ela afirmou que, junto com o noivo Ulysses Betancourt e o filhinho deles, de 11 meses, havia acabado de descer de um ônibus e esperaram no sinal para atravessar a rua em direção ao supermercado. Quando o sinal ficou verde, aguardaram que dois carros convergessem para a esquerda e começaram a travessia.

Depois da colisão, o motorista do Jeep e uma mulher que estava no banco do carona tentaram fugir. Ernesto Otanez Oveso, de 28 anos, foi preso sob suspeita de dirigir alcoolizado e acusado de circunstâncias agravantes, pois tentou esfaquear uma testemunha na cena, além de estar de posse de uma arma de fogo ilegal. Segundo a polícia, Ernesto possui quatro mandados de prisão.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.