Garotos obrigam viúva-negra a picá-los para virarem Homem-Aranha

Garotos obrigam viúva-negra a picá-los para virarem Homem-Aranha

Último Vídeo

Balançar-se por altos prédios das grandes cidades, se pendurar por teias e salvar o mundo — sem dúvidas, o Homem-Aranha é um dos heróis da Marvel que mais encanta as crianças. Seja pelas cores fortes de sua roupa, seja pela juventude de seu personagem ou o fascínio que as histórias provocam, fato é que crianças de todo o mundo colecionam itens do garoto que “se transforma” em aranha.

A picada da aranha radioativa que concedeu poderes a ele é parte da fantasia, mas para três garotos de Potosi, na Bolívia, tudo parecia bem real. Tão real a ponto das crianças terem “obrigado” uma aranha viúva-negra a picá-los na esperança de se transformarem nos novos Peter Parker.

Na ficção, Peter Parker ganha poderes ao ser picado por uma aranha radioativa (Fonte: Pixabay)Na ficção, Peter Parker ganha poderes ao ser picado por uma aranha radioativa (Fonte: Pixabay)

De acordo com o jornal El Deber, os meninos, que são irmãos, de oito, dez e 12 anos teriam provocado uma aranha viúva-negra a picá-los. Eles teriam capturado o animal, colocado-o na pele e o cutucado com um graveto, provocando a reação instintiva da mordida. Os três foram parar no hospital.

O caso aconteceu no início de maio, enquanto eles estavam no campo, em Chayanta, cidade da região de Potosi, enquanto as cabras da família pastavam. Ao notar a aranha, o irmão mais velho foi o primeiro a cutucar o animal para ser mordido. Depois, ajudou os outros dois na tentativa de se tornarem “homens-aranha”.

Não demorou muito para que as mordidas fizessem efeito, mas não aquele que eles sonhavam. Os sintomas logo apareceram e, chorando de dor, foram levados pelos pais ao centro de saúde da região.

Irmãos "provocaram" aranha até que animal mordeu os três (Fonte: Pixabay)Irmãos "provocaram" aranha até que animal mordeu os três (Fonte: Pixabay)

O tratamento dado na unidade não surtiu efeito e, então, eles foram transferidos a um hospital de Llallagua. Nem o hospital foi capaz de oferecer tratamento eficiente e os três pioraram. A saída foi transferi-los ao Hospital Infantil de La Paz, na capital boliviana.

Os irmãos estavam com dores musculares, febre, tremores e sudorese, e só começaram a se recuperar depois da aplicação de um soro contra aranhas viúvas-negras. Os três só receberam alta no dia 20 de maio, dias após a tentativa frustrada de se tornarem heróis.


Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.