Gato vai à praia pela primeira vez e sua reação é hilária

Gato vai à praia pela primeira vez e sua reação é hilária

Último Vídeo

Todo dono de pet sabe que uma primeira visita a algum lugar novo pode despertar diferentes reações nos seus animaizinhos, desde pura alegria até uma raiva descontrolada. Portanto, uma simples ida para a praia pode significar um carrossel de emoções para todos os lados.

E foi justamente isso o que aconteceu com o gato Pumpkin (Abóbora, em português) quando sua família decidiu levá-lo para dar uma volta na areia pela primeira vez. No fim, foi possível descobrir que o belo gato ruivo adora estar perto do mar, mas os ventos fortes não são exatamente sua parte favorita da natureza…

Viralizando na internet

(Fonte: Pumpkin the Cat)
(Fonte: Pumpkin the Cat)

Em entrevista para o portal Bored Panda, o dono do felino disse que essa tinha sido a primeira vez que ele e sua filha decidiram levar Pumpkin e seu irmão Moustachio para brincar na praia, porém as rajadas de vento começaram a ficar um pouco mais fortes e o animal logo passou a fazer algumas caretas para a câmera fotográfica.

(Fonte: Pumpkin the Cat)
(Fonte: Pumpkin the Cat)

Desde então, o responsável pelos gatos garante que eles foram ao local outras vezes e continuam amando, mas a primeira experiência acabou viralizando na internet. Segundo a família, Pumpkin adora passar um tempo no ar livre e sair de casa para vivenciar novas aventuras.

Por ser um animal curioso, charmoso e extremamente amistoso, a possibilidade de correr pela areia da praia com seu irmão vinha sendo uma viagem incrível para o bichano. Só que como nem tudo são flores, o pet descobriu uma parte da natureza que verdadeiramente não lhe agrada. 

A vida de Pumpkin

 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Uma publicação compartilhada por PumpKin the Cat (@iispumpkincat) em 14 de Out, 2020 às 10:42 PDT

Pumpkin é um gato adotado que foi resgatado quando ainda era filhote junto de sua mãe e mais três irmãos. Apaixonados pela personalidade do bichinho, os donos atuais decidiram mantê-lo junto a família com a condição de não separá-lo de Moustachio, seu leal companheiro para todos os lugares.

Posteriormente, foi descoberto que o gato possuía hipoplasia cerebelar, uma condição neurológica na qual o cerebelo é menor do que o habitual e o animal desenvolve alguns problemas para controlar suas habilidades motoras. Isso faz com que, as vezes, Pumpkin seja adoravelmente atrapalhado e também tenha uma leve dificuldade de profundidade de visão.

Apesar da sua condição especial, os donos garantem que nada o impede de desfrutar de todas as belezas da vida e ser um pet extremamente feliz!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.