Mulher descobre que parte da sua orelha sumiu após rinoplastia

Último Vídeo

Numa entrevista ao jornal chinês The Paper na última segunda-feira (9), uma mulher de 31 anos que se submeteu recentemente a uma rinoplastia em um hospital de Chengdu, na China, se mostrou revoltada ao descobrir que um pedaço da sua orelha havia sido retirado sem o seu consentimento. 

Identificada como sra. Zhao, a mulher fez uma cirurgia no nariz, no hospital Angel Wing de Chengdu, no sudoeste do país, no dia 1º de setembro. Esse foi o segundo procedimento clínico ao qual a mulher se submeteu nos últimos cinco anos, porém é a primeira vez que um pedaço do seu corpo, no caso a orelha, desaparece. 

Zhao reconheceu ao jornal que a operação havia transcorrido normalmente, ela se sentiu muito bem, mas, ao olhar no espelho quatro dias depois, percebeu que algo lhe faltava: o tragus, aquela cartilagem pequena e pontuda na parte interna da orelha onde os fones de ouvido ficam apoiados.

Fonte: The Paper/Reprodução
Fonte: The Paper/Reprodução

O conflito pelo tragus

Desesperada, a sra. Zhao correu para o hospital, onde foi informada pela equipe que a operou que a remoção da cartilagem era um procedimento normal, e que ela havia dado o seu consentimento expresso para retirada de “cartilagem para rinoplastia” quando assinou a papelada do hospital.

Indo buscar opinião com outros especialistas, a chinesa descobriu que uma cartilagem atrás da orelha é a normalmente utilizada para procedimentos de rinoplastia, não o tragus, para evitar impactos na aparência física do paciente. Mas, os médicos do Angel Wing retrucaram que não tiraram a cartilagem da parte posterior, pois isso poderia causar atrofia da orelha. 

Zhao não aceitou a explicação e exigiu reembolso total, compensação financeira e uma nova cirurgia para corrigir a sua orelha, alegando que está insatisfeita com sua aparência e que não consegue nem colocar o seu fone de ouvido. 

No entanto, o hospital de Chengdu não concordou com a reclamação e as discussões continuam, agora envolvendo a polícia local, Por enquanto, o asunto permanece sem uma solução, e Zhao sem o tragus.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.