7 superstições no mundo dos negócios globalizado

Escrevendo esta lista de superstições em um dia 13 acabo ficando preocupado porque não sou muito fã do número. Sei que isso pode ser um sinal de triscaidecafobia, uma espécie de medo irracional e excessivo do número 13. Por outro lado, percebo que esse medo não é só meu, pois muita gente sente a mesma coisa, em grau maior ou menor.

Vejam algumas superstições comuns no mundo dos negócios:

1. Brasil: não coloque sua carteira ou bolsa no chão, senão o dinheiro vai embora!

Fonte: Getty Images/iStockphoto/Reprodução
Fonte: Getty Images/iStockphoto/Reprodução

Embora essa superstição não seja exclusiva do Brasil, pois existe também em outros países da América do Sul, China e Filipinas, aqui a coisa é tão séria que, às vezes, no bolso mesmo o dinheiro foge.

2. Rússia: jamais faça um aperto de mão na soleira da porta!

Fonte: Jim Watson/AFP/Reprodução
Fonte: Jim Watson/AFP/Reprodução

Na Rússia, as pessoas só apertam as mãos dentro dos escritórios ou salões, jamais fora. Por isso, é muito difícil ver Vladimir Putin dando aperto de mão ao ar livre. Já o Trump

3. China: não marque reuniões para as 4 horas!

Fonte: InternChina/Reprodução
Fonte: InternChina/Reprodução

O número quatro é considerado muito azarado na China, porque sua pronúncia em mandarim é muito parecida com a palavra “morte”. Muitos hotéis chineses não têm o quarto andar. 

4. Alemanha: nunca brinde com água! Com cerveja, pode

Fonte: Freepik
Fonte: Freepik

A origem da superstição vem da Grécia Antiga, onde acreditava-se que, ao beber do rio Lete, os mortos esqueciam suas vidas anteriores. Às vezes cerveja também faz esquecer, mas sai no xixi.

5. Espanha: comece sempre com o pé direito!

Fonte: Torcedores/Reprodução
Fonte: Torcedores/Reprodução

Bom para os negócios e também para o futebol, entrar com o pé direito é sempre indicado para ter sucesso.

6. França: nunca coloque um pão de cabeça para baixo!

Fonte: Monika Malek/Bored Panda/Reprodução
Fonte: Monika Malek/Bored Panda/Reprodução

Na França, durante a Idade Média, o pão do carrasco era virado de cabeça para baixo. Hoje, o gesto traz pobreza e fome, segundo a superstição.

7. Japão: ponha um sapo (de origami) na carteira

Fonte: Origami Studio NYC/Reprodução
Fonte: Origami Studio NYC/Reprodução

Em japonês, a palavra “sapo” é “kaeru”, que também significa “retornar”. Por isso, os japoneses acham que o sapo traz o dinheiro de volta. 

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.