Rhinebeck: cidade abriga aviões da Primeira Guerra que ainda voam

A pitoresca cidade de Rhinebeck em Nova York, Estados Unidos, é um verdadeiro cartão-postal atemporal onde os habitantes ainda se comportam como se vivessem há cerca de 100 anos. Porém, seu grande destaque fica por conta de abrigar uma das maiores coleções mundiais de aviões do início do século XX, sendo bastante comum visitar o local e escutar sons de motores de inúmeros modelos inspirados na Primeira Guerra.

Rhinebeck está localizada a várias horas de viagem de Manhattan, centro populacional mais próximo da cidade, e é conhecida por sua história e preservação de um rico centro cultural. Em uma visita, é possível observar locais centenários como o hotel Beekman Arms, que hospeda visitantes desde 1766, e aeródromo Old Rhinebeck, museu fundado por Cole Palen na década de 1930 que foi inspirado na Coleção Shuttleworth da Inglaterra.

(Fonte: JJambien - Flickr / Reprodução)(Fonte: JJambien - Flickr / Reprodução)

O aeródromo abriga inúmeras reconstruções funcionais de aviões, desde modelos da era Wright a biplanos e monoplanos da década de 1930, totalizando aproximadamente 60 aeronaves. Segundo Michael Fisher, secretário do Conselho do museu, todos os aviões são guardados cuidadosamente em cabanas de ferro Nissan, e estão dispostos ao lado de outras relíquias como um tanque da Primeira Guerra Mundial e veículos de valores inestimáveis.

(Fonte: Old Rhinebeck Aerodrome / Reprodução)(Fonte: Old Rhinebeck Aerodrome / Reprodução)

“Queremos que as pessoas venham e vivenciem o mito e a magia dos primórdios da aviação”, explica Fisher. “Hoje, você dirige até um aeroporto que parece um shopping center, entra por um tubo em um avião que seria difícil distinguir de um ônibus ou trem e chega em outro tubo em outro shopping center. Parece que qualquer referência de voo está escondida.”

O novo Circo Voador

Cole Palen, ao lado de seu fiel Barão Vermelho de Rhineback, teve a oportunidade de voar várias vezes em shows aéreos para entreter o público e mostrar a versatilidade dos modelos do início do século XX. A ideia foi então adaptada para o museu de sua cidade natal, e hoje todos os visitantes podem não somente ver diversos aviões históricos sobrevoando e acompanhar simulações de combate, mas também subir em uma aeronave e dar voltas pelos céus.

(Fonte: Luke J. Spencer - Messy Nessy Chic / Reprodução)(Fonte: Luke J. Spencer - Messy Nessy Chic / Reprodução)

A cidade também conta com eventos sazonais e atrações temáticas que apresentam teatros em cima de aviões, atividades esportivas e muitas acrobacias, possuindo muitas referências ao lendário Circo Voador alemão.

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.