Quais eram os tipos de gladiadores do antigo Império Romano?
159
Compartilhamentos

Quais eram os tipos de gladiadores do antigo Império Romano?

Último Vídeo

Os gladiadores eram guerreiros que viveram séculos atrás no antigo Império Romano, normalmente escravos treinados para guerrear entre si, com criminosos e às vezes até com animais com o simples objetivo de entreter os romanos com batalhas sanguinolentas.

Contudo, nem sempre os guerreiros morriam no final dos confrontos (como muitos acreditam), já que os custos de treinar novos gladiadores eram custeados pelo estado, além do fato de o público se apegar aos lutadores e não querer que eles fossem mortos.

É interessante lembrar que apesar de todo o respeito que os gladiadores ganhavam ao vencer os combates, eles eram socialmente rejeitados e jamais ganhavam funerais dignos de membros nobres do Império – além de não serem tratados efetivamente como cidadãos. As batalhas possuíam um juiz e um patrocinador que, dependendo das reações do público, autorizava ou não a morte dos gladiadores se isso fosse desejado.

As lutas de gladiadores eram relativamente organizadas e os guerreiros eram separados em categorias e especialidades, de modo que as batalhas ficassem mais emocionantes aos olhos dos espectadores. Teoricamente, os confrontos eram definidos de modo que nenhum dos grupos pudesse ficar em desvantagem. Vejam abaixo quais eram algumas dessas categorias de lutadores e suas principais características:

1 – Trácio

Os trácios lutavam com espadas chamadas de siscas, caracterizadas por serem pequenas e curvas. Além disso, eles lutavam com um escudo pequeno, tinham chapas de metal para proteger as pernas e elmos emplumados.

2 – Secutor

Os secutores eram guerreiros de peso, com elmos que cobriam todo o rosto, exceto pelos olhos e grandes escudos que protegiam todo o corpo. Utilizavam armas e eram treinados especificamente para combater os gladiadores retiários.

3 – Retiário

Esses eram os gladiadores mais velozes, já que quase não utilizavam proteção corporal (nem escudos e nem elmos). Por outro lado, eram os guerreiros mais ágeis, capazes de desferir ataques rápidos com suas adagas, tridentes e redes que usavam para prender os adversários.

4 – Hoplomaco

Esses gladiadores contavam com longas lanças, já que eram inspirados nos guerreiros das falanges gregas. Eles contavam com ótimas proteções para o corpo, assim como os secutores, porém possuíam somente um pequeno escudo circular.

5 – Murmillo

Os murmillos foram apelidados de homens-peixe devido ao formato de seus elmos que sempre traziam desenhos de peixes na lateral. O armamento e as proteções eram parecidos com as dos secutores, apesar de algumas diferenças no escudo. Os confrontos entre trácios, murmillos e retiários eram considerados os clássicos nas arenas e muito disputados.

6 – Dimacário

Não existem muitas informações sobre esse tipo de guerreiro ou quais eram suas habilidades principais, com exceção do fato de sabermos que eles usavam duas espadas simultaneamente. 

7 – Andabata

Os andabatas eram gladiadores de um nível hierárquico menor e, por isso, lutavam totalmente vendados e às cegas, com o elmo tampado. Por isso, sempre eram muito bem protegidos por armaduras, apesar de não carregarem escudos, e frequentemente se enfrentavam montados em cavalos.

8 – Equites

Os equites eram andabatas superiores, digamos assim, pois não lutavam com o elmo vendado, carregavam escudos e podiam usar diferentes tipos de armas. Sempre montados em cavalos, normalmente atuavamn grupos, como se fossem cavalarias que guerreavam nas arenas.

9 – Bestiário

Os bestiários eram gladiadores de nível menor e lutavam somente com lanças para atacar e se defender. Todos os seus oponentes consistiam em animais, como leões, tigres e outros felinos.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.