Estas 7 coisas são muito mais antigas do que você imagina
208
Compartilhamentos

Estas 7 coisas são muito mais antigas do que você imagina

Último Vídeo

Hoje em dia é difícil saber a idade de algumas coisas, e é por isso que crianças e adolescentes geralmente se espantam quando escutam seus pais falando a respeito da vida sem internet, redes sociais e smartphones. Da mesma forma, você pode se surpreender com a idade de alguns itens que parecem ser modernos, mas que não são. A seguir, confira uma lista com coisas que são mais velhas do que aparentam ser:

1 – Robôs

Pixabay

A ideia de robôs parece futurista demais e, se você tivesse que dar um palpite a respeito da data da primeira ideia sobre esse tipo de material, certamente erraria feio. O filósofo grego Arquitas de Tarento, que viveu até 327 a. C., foi o primeiro a pensar em um conceito robótico, sabia?

Foi ele o responsável por pensar pela primeira vez em um mecanismo de voo robótico ao criar um robô de madeira em formato de pássaro, que, suspenso, voava a uma altura de quase 200 metros.

2 – Creme dental

Ainda que os conceitos de higiene bucal não fossem tão amplos antigamente, o creme dental é uma invenção de longa data, que foi criada pelos antigos egípcios, que idealizaram também as escovas de dente e o sabor mentolado do creme dental.

Uma análise de alguns papiros antigos, feita em 2003, encontrou uma receita de creme dental feito à base de flores – o documento, olha só, tem 1.500 anos. Esses escritos revelaram também que as escovas de dentes eram feitas com galhos e que foram inventadas pelos babilônicos há 5.500 anos!

3 – Raladores de queijo

Queijo ralado não é um tempero moderno, e há evidências de que os gregos antigos usavam raladores de queijo em 411 a. C. graças aos escritos do dramaturgo Aristófanes, em uma de suas peças.

No enredo, o personagem principal convence um grupo de mulheres de que elas podem acabar com a Guerra do Peloponeso fazendo chantagens sexuais com seus maridos. Uma das falas ditas pelas mulheres é “eu não vou me abaixar como uma leoa em um ralador de queijo”. Por causa disso, acredita-se que os raladores de queijo da Grécia Antiga tinham formatos de animais agachados.

4 – Computadores

Nos anos 90 um grupo de pescadores encontrou um navio naufragado em uma ilha grega. Nesse navio, havia um computador de 2 mil anos. Isso mesmo, você não leu errado: 2 mil anos. A estrutura era feita de bronze e sua função era prever eclipses solares e lunares – veja só que tecnologia avançada para a época! Algumas pesquisas mais recentes, que analisaram o equipamento, sugerem que ele é ainda mais antigo.

5 – Freezers

Os persas antigos conseguiram inventar uma forma de conservar gelo, sabia? Em 400 a. C os persas recolhiam gelo de rios congelados e mantinham o material em yakhchals, que eram estruturas parecidas com iglus cônicos – o gelo ficava reservado em uma estrutura abaixo do solo. As paredes curvadas canalizavam a água e, na ponta da estrutura, o ar gelado entrava e mantinha a temperatura ideal para o material.

6 – Relógios mecânicos

Os antigos egípcios já dividiam o dia em 24 partes, mas cada hora tinha uma duração diferente – foi assim até 1094, quando os relógios mecânicos resolveram o problema. Quem inventou o relógio com horas exatas foi o relojoeiro e astrônomo Su Sung, que levou seis anos para produzir o primeiro relógio mecânico do mundo.

O objeto em questão era uma torre de mais de 9 metros de altura, que funcionava à base de água e mercúrio. Foi a primeira vez que as horas foram contadas com precisão.

7 – Grafitagem

Você pode até achar que obras de arte feitas com grafitagem são recentes, mas a verdade é que os povos antigos da Pompeia tinham o mesmo costume de Bansky e deixavam seus desenhos espalhados em paredes diversas. Aliás, não só desenhos como mensagens, como ainda é comum hoje em dia.

Os primeiros registros desse tipo foram feitos na cidade de Éfeso, que hoje faz parte da Turquia. À época, o trabalho foi feito como uma espécie de publicidade de um bordel da região.

***

E aí, qual dos itens acima mais surpreendeu você? Conte para a gente nos comentários!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.