7 coisas bizarras feitas por quem ama e também por quem odeia Justin Bieber
1.096
Compartilhamentos

7 coisas bizarras feitas por quem ama e também por quem odeia Justin Bieber

Último Vídeo

Uma das pessoas mais comentadas do momento, principalmente entre adolescentes do sexo feminino, é, sem dúvida, o cantor Justin Bieber. Talvez você nem lembre, mas Justin começou a fazer sucesso graças ao YouTube, onde publicava vídeos de suas interpretações de músicas famosas. Uma das características que mais chamou a atenção do mundo no início da carreira do cantor canadense era justamente o ar doce e de bom garoto que ele tinha. Tinha.

Depois de alcançar fama internacional, começar a ganhar muito dinheiro e ter sua privacidade praticamente consumida, Justin Bieber deixou, definitivamente, de ser o menino bonzinho de sempre. Antes de crucificar o astro pop, é preciso levar em conta que muitas pessoas famosas desde cedo passam por um processo de revolta, uma espécie de autoafirmação.

Não é de se estranhar que isso aconteça, afinal deve ser realmente incômodo que jornalistas e paparazzis fiquem bisbilhotando a sua vida e seguindo você da balada ao mercado, sete dias por semana. O fato é que o menino que parecia ser amado por todos hoje tem também uma legião de antipatias. A seguir, confira alguns casos absurdos, promovidos por pessoas que amam ou odeiam Justin Bieber:

1 – Ele é acusado de ser um réptil

Que o mundo é um lugar cheio de gente bizarra, você já sabe, mas será que você sabia também da existência de um grupo de pessoas que acredita que a Terra é cheia de pessoas-répteis? Não só essas pessoas existem, como elas acreditam que Justin Bieber é um réptil. O motivo? Elas alegam que a cor dos olhos dele mudou durante uma recente prestação de contas do cantor à justiça. Assista ao vídeo abaixo e nos conte: é ou não é fake?

2 – Petição para que ele seja deportado

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

Justin é canadense, e é por isso que muitas pessoas querem que ele seja simplesmente banido dos EUA, onde já há até uma petição pública com milhares de assinaturas, pedindo para que o governo impeça que o cantor permaneça na Terra do Tio Sam. De acordo com as regras da Casa Branca, uma petição precisa de mais de 100 mil assinaturas para ser analisada. A que pede para que Justin seja deportado já tem quase 300 mil.

3 – Usar a música “Baby” para perturbar pessoas

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

Parece loucura e é mesmo. Uma escola de ensino médio em Washington, nos EUA, recentemente começou a tocar a música “Baby”, um dos primeiros sucessos de Justin, insistentemente durante os horários de almoço e os intervalos. O motivo? Deixar todo mundo irritado.

Para fazer com que a música pare de ser tocada sem parar, os estudantes devem doar dinheiro, que será encaminhado a escolas de órfãos na África. É ou não é uma maneira bizarra de promover esse tipo de ajuda?

4 – Gastar US$ 100 mil para se parecer com ele

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

Tony Sheldon é um jovem que teve a coragem de gastar US$ 100 mil em cirurgias plásticas faciais com a finalidade de ficar parecido com o cantor. O processo começou em 2008 e a foto acima mostra como ele está hoje, feliz com o resultado dos inúmeros procedimentos pelos quais passou. E você? Acha o que disso?

5 – Pegadinha do malandro

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

O amor pelo ídolo é tanto que muitas fãs não medem esforços na hora de demonstrar solidariedade a ele. O problema é quando uma notícia falsa é tida como verdadeira, como no caso que você vai conhece agora. Primeiro você precisa saber a respeito de um grupo chamado 4chan, formado por anônimos que fazem pegadinhas.

Uma das brincadeiras dos caras foi criar uma conta falsa no Twitter, alegando que Justin tinha acabado de descobrir que estava com câncer e encorajando os fãs a rasparem suas cabeças em solidariedade ao ídolo. Acredite ou não, muitas garotas publicaram fotos com suas cabeças raspadas em homenagem a Justin.

6 – Pagar US$ 40 mil por um pouco do cabelo do moço

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

Muita gente tem ídolos, é verdade, o problema é quando a obsessão por uma pessoa é tanta que os gastos para ter um “pedacinho” dela sempre presente podem realmente extrapolar. Justin já vendeu um pedaço de seu cabelo por US$ 40 mil.

Como um presente de aniversário a Ellen DeGeneres, o cantor colocou o cabelo à venda no eBay. A verba arrecadada foi doada à Fundação Gentle Barn, que cuida de animais abandonados, a favorita da apresentadora. Pelo menos foi por um bom motivo...

7 – Usar a imagem de Justin para promover o cristianismo

Fonte da imagem: Reprodução/Oddee

Quando a música “Never say never” – “nunca diga nunca” – ficou famosa, a mãe do cantor, Pattie Mallette, fez um panfleto que pretendia reforçar a ligação da família Bieber com a fé cristã. Ao lado de “nunca diga nunca”, o panfleto trazia outra mensagem: “nada é impossível com Deus”. A imagem foi enviada a igrejas dos EUA, na tentativa de atrair fãs do cantor à casa de Deus.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.