Confira 13 fatos relacionados com a Síndrome de Down
52
Compartilhamentos

Confira 13 fatos relacionados com a Síndrome de Down

Último Vídeo

1 – A Síndrome de Down é uma anomalia genética na qual a pessoa portadora possui uma cópia extra — completa ou parcial — do cromossomo 21. Com isso, em vez de nascer com 46 cromossomos, ela nasce com 47, e o resultando é o surgimento de uma série de características físicas específicas e uma alteração na sequência do desenvolvimento humano.

2 – Entre os traços físicos que normalmente são atribuídos aos portadores da Síndrome de Down estão a baixa estatura, ter uma linha horizontal cruzando as palmas das mãos, dedos mais curtinhos, muita flexibilidade muscular e nas articulações e olhos amendoados, por exemplo.

Cromossomos(The Huffington Post)

3 – A Síndrome de Down pode surgir devido à trissomia 21 — que representa 95% dos casos e é aquela em que a pessoa nasce com três cópias dos genes que se encontram no cromossomo 21 —, por causa da translocação cromossômica, que representa 4% dos casos e ocorre quando o cromossomo 21 se liga a outro, e devido ao mosaicismo, que contabiliza 1% dos casos e se dá quando um indivíduo nasce com dois materiais genéticos diferentes, um deles contendo células com trissomia.

4 – Salvo raríssimas exceções documentadas na literatura médica, os homens portadores da Síndrome de Down são estéreis e, portanto, não podem conceber filhos.

Menino soprando bolhas(She Knows/EVAfotografie/Getty Images)

5 – Mais de 90% das grávidas que descobrem que terão um bebê com Síndrome de Down optam por interromper a gestação.

6 – Na Islândia, por exemplo, a Síndrome de Down começou a “desaparecer” desde o início dos anos 2000, quando um teste para detectar a condição em gestantes foi introduzido. Praticamente 100% das islandesas que descobrem que seus bebês têm Down optam por interromper a gravidez.

Menina com Síndrome de Down(The Huffington Post)

7 – Um estudo realizado em 2011 com pessoas com Síndrome de Down revelou que 99% dos participantes disseram estar felizes com suas vidas.

8 – Em 1983, a expectativa de vida para uma pessoa portadora de Síndrome de Down era de apenas 25 anos de idade. Atualmente, ela pulou para os 60 anos.

Menino com Down(Stepping Stones)

9 – A incidência de nascimentos de crianças com Síndrome de Down aumenta com a idade da mãe. Isso significa que quanto mais tempo uma mulher espera para ter filhos, maior é a chance de que ela tenha um filho com a condição.

10 – As pessoas com Síndrome de Down têm maior risco de apresentar alguns problemas de saúde congênitos, como cardiopatias, problemas respiratórios, de tireoide e deficiências auditivas, por exemplo.

Garotinha com Down(Discover Magazine/Denis Kuvaev/Shutterstock)

11 – É importante destacar que não existem “diferentes graus” de Síndrome de Down. A pessoa nasce com a anomalia, e o desenvolvimento de suas habilidades não depende da condição.

12 – Anualmente, o Dia Mundial da Síndrome de Down é celebrado no dia 21 de março, data em que organizações, portadores e familiares se dedicam a conscientizar e informar a todos sobre a condição e a espalhar o amor.

Jovem com Down(America Magazine )

13 – Sobre a escolha da data, se você prestar atenção, ela não foi aleatória: 21/03, representando a trissomia no cromossomo 21.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.