Drops de Cinema #004: A verdade por trás de 'Duelo de Titãs'

Drops de Cinema #004: A verdade por trás de 'Duelo de Titãs'

Último Vídeo

Você já se perguntou se a frase “baseado em fatos reais” é verdadeira ou só balela? Pois o Mega Curioso trouxe a coluna Drops de Cinema para sanar suas dúvidas e mostrar a verdade por trás dos filmes inspirados em fatos reais. Venha conferir com a gente!

"Duelo de Titãs", estrelado por Denzel Washington, foi lançado no ano 2000 e conta a história dos Titãs, time de futebol americano da T.C. Williams High School, os quais foram capazes de quebrar as barreiras raciais que estavam a todo vapor em 1971 e se mostrar uma equipe talentosa.

O que mudou da realidade para o filme?

Embora boa parte do longa esteja de acordo com o que aconteceu com os Titãs e os técnicos Herman Boone e Bill Yoast, Hollywood deu uma floreada em alguns acontecimentos para tornar a obra mais animada e emocionante para o público.

A integração

Se tensões raciais existem até hoje, dizer que elas não estavam ali no início dos anos 70 seria tapar o sol com a peneira; porém, eram mais brandas na escola e no time do que foi retratado no cinema. O filme mostra as escolas sendo integradas em 1971, gerando protestos enfurecidos de pais e mães enquanto alunos brigavam nos corredores e no campo.

A verdade é que a integração de verdade aconteceu em 1965. Por isso, nesses 6 anos seguintes os alunos já estavam um pouco mais acostumados a conviver com diferentes etnias  não que em 1971 não houvesse conflitos do tipo, mas eles já não eram mais tão agressivos.

O que ocorreu nesse ano foi a unificação das escolas da cidade de Alexandria, que colocou todos os alunos que estavam nos anos finais do ensino médio na T. C. Williams. De acordo com o site oficial dos Titãs, a maior preocupação dos jogadores era na verdade se destacar no time, visto que a concorrência havia triplicado.

Os jogadores

As cenas dos jogadores talvez tenham sido as mais cativantes do filme. A amizade entre Gerry Bertier e Julius Campbell ganhou destaque como um exemplo a ser seguido; e, embora eles tenham realmente sido bem próximos, de acordo com o 71 Original Titans, não havia nada de extraordinário nessa amizade, eles eram tão amigos um do outro quanto do restante do time.

Uma verdade muito triste retratada no filme é o fato de Gerry Bertier ter ficado paralítico após um acidente de carro e falecido 10 anos depois em outro. No entanto, o primeiro acidente aconteceu bastante tempo após o campeonato já ter acabado e foi resultado de uma falha mecânica do carro dele. Felizmente, Bertier conseguiu se reerguer e foi disputar as paralimpíadas. 

E para matar a curiosidade sobre aquela bitoca que Ronnie Bass rouba dele no vestiário: só mais uma enfeitada de Hollywood para deixar a história mais divertida. Nunca aconteceu.

Os jogos

O técnico Yoast realmente teve que aceitar o cargo de assistente para evitar que os pais dos alunos boicotassem o time quando Boone se tornou técnico. Este, por sua vez, era mesmo bem durão e fazia de tudo para que os garotos se esforçassem para serem os melhores, ao mesmo tempo que enfrentava suas próprias batalhas, como as demonstrações de ódio de alguns anônimos da cidade.

Ele realmente empenhou os alunos, que chegaram à final e ficaram em segundo lugar entre escolas do país inteiro! Infelizmente, apesar de toda essa empolgação e do sucesso, eles nunca fizeram a tal dancinha em campo.

O avanço do time foi bastante importante para quebrar um pouco mais as barreiras raciais. Aqueles jovens eram vistos trazendo orgulho para o estado por meio do esporte juntos, independente de cor, e eram admirados por isso!

Mas esse avanço não era exclusivo do estado da Virgínia, onde fica a cidade de Alexandria, nem dos torcedores dos Titãs. Apesar de o filme ter mostrado as equipes adversárias como totalmente brancas, a verdade é que todas eram integradas.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.