Essa foto de tubarão se tornou viral pelos motivos errados

Essa foto de tubarão se tornou viral pelos motivos errados

Último Vídeo

Apesar da quantidade de fake news que têm corrido por aí, a internet é lugar de “investigadores de plantão” desde que começou a ser usada. Um exemplo disso é uma foto fantástica que, em 2003, se tornou viral por causa da desconfiança da galera. Como a internet nunca esquece, as provocações por causa dela de vez em quando ainda surgem.

A polêmica

Tomas Peschak, fotógrafo da National Geographic, ganhou certa notoriedade por tirar uma foto bastante incrível de um enorme tubarão atrás do caiaque amarelo que estava sendo utilizado pelo cientista Trey Snow. A partir disso, a coisa se tornou uma via de mão dupla. Ele de fato recebeu bastante reconhecimento pela bela captura, mas existe o outro lado da história.

Em 2003, a imagem foi postada online e começou a se espalhar pela web. Mesmo que na época a internet tivesse uma quantidade de usuários imensamente menor que a de hoje, já havia gente suficiente para criar certa dose de polêmica.

Muita gente achou que a foto era incrível demais para ser verdade, ao melhor estilo “como ele conseguiu tirar a foto na hora exata?” ou “como o cara no caiaque não morreu?”. E aí, naturalmente, surgiram milhares de discussões em fóruns, com milhares de teorias conspiratórias; o pessoal analisava até sombras e efeitos de refração na água. Boa parte do mundo estava convencido de que a foto era falsa.

A situação atingiu uma proporção tão grande que, quando Peschak ia a entrevistas, costumava levar o negativo original da foto como prova!

No entanto, como dissemos no começo, não ficou só nisso. A internet não costuma esquecer, e até hoje Peschak às vezes recebe emails com montagens daquele mesmo tubarão em lugares inusitados, como em ruas inundadas. Quanto empenho, não?

Como a foto original foi tirada

De acordo com a National Geographic, em primeiro lugar foi necessário ter muita paciência e criatividade.

Peschak é uma peça importante em documentários sobre a vida marinha e, em 2003, havia recebido uma dica a respeito de um número grande de tubarões cruzando a costa sul da África do Sul. Essa era uma oportunidade excelente para observá-los.

O problema é que, aparentemente, o motor do barco onde eles estavam alterava o comportamento dos animais. Como isso era algo que se queria evitar fortemente, Peschak decidiu usar um caiaque com um GPS acoplado para seguir um dos tubarões até águas rasas e observar seu comportamento. E deu tão certo que ele decidiu fazer isso novamente, para tirar uma foto!

Esperaram um dia calmo e um lugar onde houvesse tubarões, colocaram Trey Snow no caiaque, e Peschak passou a tirar as fotos.

O que eles não esperavam é que o tubarão fosse surgir atrás do caiaque como se o estivesse analisando, nem que Trey fosse virar a cabeça no momento exato da foto. Mas tudo aconteceu, e a foto “saiu melhor do que a encomenda”.

Algumas coisas parecem, sim, boas demais para ser verdade, mas isso não significa que sejam necessariamente falsas. Esse caso foi um exemplo de talento, paciência, criatividade e sorte.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.