Fotógrafo é autorizado a entrar em mina interditada e faz registros únicos
458
Compartilhamentos

Fotógrafo é autorizado a entrar em mina interditada e faz registros únicos

Último Vídeo

O subsolo da cidade de Ecaterimbugo, na Rússia, esconde uma mina de sal cuja beleza enche os olhos de qualquer um. Suas paredes são cobertas com padrões coloridos provocados por camadas de carnalita — mineral de onde se extrai o potássio e matéria-prima na fabricação de fertilizantes. A seguir, você confere os registros feitos pelo fotógrafo Mikhail Mishainik, que conseguiu uma autorização especial para conhecer o local:

Duzentos metros abaixo da superfície de Ecaterimburgo, na Rússia, fica uma mina de sal desativada pra lá de intrigante

Suas paredes coloridas estão manchadas por um mineral chamado carnalita, utilizado na produção de fertilizantes

O resultado são essas pinturas naturalmente psicodélicas predominantemente vermelhas e amarelas

A entrada de pessoas no local é controlada e requer autorização prévia das autoridades locais

Fotógrafo e aventureiro, Mikhail Mishainik conseguiu ter acesso à caverna, e seu relato sobre o lugar é surpreendente

"Você perde a noção do tempo, e o ar é muito seco. Você sempre sente sede", relatou Mikhail Mishainik ao Daily Mail

Ainda segundo ele, a mina interditada é enorme — algumas das suas galerias chegam a ter 4 quilômetros de extensão

O risco de desabamento é apenas um dos perigos que espreitam quem ousa adentrá-la

Também podem ocorrer vazamentos de gás a partir dos produtos químicos usados na mineração

Apesar dos riscos envolvidos, Mishainik considerou o passeio pelo subsolo de Ecaterimbugo uma experiência inesquecível

Para ele, o perigo faz parte da diversão de estar em um lugar onde poucas pessoas estiveram

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.