Sabia que Stan Lee tinha escolhido outra cor para o Hulk?

Sabia que Stan Lee tinha escolhido outra cor para o Hulk?

Equipe MegaCurioso
Último Vídeo

O genial Stan Lee nos deixou há alguns dias, e nós falamos sobre ele aqui no Mega algumas vezes, especialmente sobre os cameos geniais de Lee e, claro, sobre as personagens incríveis que ele criou e que fazem sucesso até hoje.

Falando em personagens de Stan Lee, não podemos deixar de lado O Incrível Hulk e sua fúria verdona e assustadora. Acontece que muita gente não sabe, mas quando Lee criou Hulk, a ideia não era que esse herói fosse verde.

Na hora de criar toda a personalidade de Hulk, Lee se inspirou no famoso livro “O Médico e o Monstro” (leitura mais do que recomendada, hein!), de Robert Louis Stevenson. Foi justamente pensando em como deixar Hulk com uma aparência de dar medo que Lee já tinha tomado sua decisão: Hulk seria cinza!

Já pensou?

hulk

Acontece que depois de imprimir o primeiro exemplar da HQ, Lee reparou que a impressora não estava conseguindo manter a coloração cinza no mesmo tom em todas as páginas, e então, por causa desse erro que acabou sendo providencial, Hulk foi transformado em verde e uma nova impressão foi realizada.

“No fim das contas, foi uma ótima escolha”, declarou o próprio Lee, em uma entrevista. Para melhorar, a coloração acabou favorecendo a criação de apelidos como Golias Esmeralda, Gigante Esmeralda, Gigante Verde, Doutor Jade e por aí vai. Esse foi um benefício que Lee também reconheceu sobre a mudança na cor da personagem.

A história, além de aumentar nosso repertório sobre o universo dos super-heróis, também nos ajuda a entender que algumas coisas acabam saindo errado de vez em quando e que isso pode ser algo bastante positivo. Taí um bom ponto de vista, você não acha?

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.