Seja o primeiro a compartilhar

Os 5 orixás mais populares do Brasil

Divindades oriundas das religiões africanas, atualmente 12 orixás são cultuados no Brasil. Segundo as tradições, os deuses do terreiro foram originados por alguns clãs africanos e são divinizados há mais de 5 mil anos. Donos de características humanas, reza a lenda que eles foram inspirados em homens e mulheres capazes de intervir na natureza através da caça, plantio, uso de ervas medicinais e fabricação de ferramentas.

Figuras importantes dentro da umbanda e também do candomblé, cada orixá é dono de uma característica distinta que o torna único. Pensando nisso, nós criamos uma lista com os cinco orixás mais populares do Brasil para você conhecer mais sobre suas histórias.

1. Exu

(Fonte: UFG/Reprodução)(Fonte: UFG/Reprodução)

Exu é o nome dado para o orixá mensageiro entre os homens e os deuses. É também o guardião dos templos, encruzilhadas, casas e cidades. Somente através dele que outros orixás podem ser invocados. Por ter personalidade atrevida e agressiva, costuma-se dizer que faz guerra para poder trazer a paz.

No sincretismo — equivalência entre orixás e santos da Igreja Católica — pode ser comparado com Santo Antônio ou São Bartolomeu.

2. Iemanjá

(Fonte: Fernanda Lemos/O Globo)(Fonte: Fernanda Lemos/O Globo)

Extremamente conhecida pelas oferendas que recebe durante as festas de ano novo, Iemanjá e considerada a deusa dos mares e oceanos. É chamada de mãe de todos os orixás e simboliza a maternidade e a geração da vida em todos os sentidos. 

É relacionada com Nossa Senhora da Glória ou Nossa Senhora dos Navegantes.

3. Iansã

(Fonte: Reprodução da Internet)(Fonte: Reprodução da Internet)

Iansã é a deusa dos ventos e das tempestades, senhora dos raios e dona das almas dos mortos. Também chamada de Oyá, a orixá é responsável pelo tempo cronológico e por ordenar o caos religioso. Tem temperamento impulsivo e imprevisível. 

No catolicismo, sua equivalência é a Santa Bárbara.

4. Ogum

(Fonte: Santuário Nacional da Umbanda)(Fonte: Santuário Nacional da Umbanda)

Conhecido como deus guerreiro no Brasil, Ogum é o orixá do fogo e da tecnologia. Ficou conhecido por saber trabalhar com o metal e fornecer proteção para seus seguidores abram caminhos na vida e conquistem objetivos. 

O sincretismo de Ogum varia dependendo da região do Brasil. De todo modo, os mais comuns são São Sebastião e São Jorge.

5. Xangô

(Fonte: Reprodução da Internet)(Fonte: Reprodução da Internet)

Deus do fogo e do trovão, Xangô é um orixá violento e justiceiro, que castiga mentirosos e protege advogados e juízes. Símbolo de virilidade, a lenda diz que um dia ele foi rei de Oyó, uma cidade na Nigéria

Na Igreja Católica, estaria ligado a São Jerônimo, São Pedro, São João Baptista e mais alguns nomes.


Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.

Comentários

Você já percebeu que passamos por algumas mudanças por aqui, né? Uma delas é melhorar também o nosso campo de comentários - e nada melhor do que você, nosso leitor, para nos ajudar e garantir que a gente esteja no caminho certo. Substituímos temporariamente nossos comentários por uma pesquisa rápida para implementarmos mais uma melhoria. Como você acredita que nossa interação pode ser mais próxima aqui?

CLIQUE AQUI PARA RESPONDER