77
Compartilhamentos

Conheça 7 entidades da umbanda e entenda melhor essa religião

A umbanda é uma religião brasileira rica em vários sentidos, especialmente nos aspectos culturais e históricos. Os fundamentos dessa crença bebem de fontes diversas: há elementos de religiões europeias, como o espiritismo e catolicismo, orientais, indígenas e africanas.

Aliás, devido ao seu caráter sincrético e mestiço, a umbanda é tida como uma religião originalmente brasileira. De acordo com dados do Censo de 2010, existem cerca de 432 mil umbandistas em nosso país.

Uma versão bastante aceita sobre a origem da umbanda relata que ela surgiu no dia 15 de novembro de 1908, durante uma sessão espírita na cidade de Niterói (RJ). A história diz que um adolescente de 17 anos foi o responsável pelo início do movimento: Zélio Fernandino de Moraes, morador de São Gonçalo, recebeu na data citada uma mensagem espiritual que o orientou a criar o culto religioso. Devido a esse evento, dia 15 de novembro foi escolhido como o Dia da Umbanda.

O que é a umbanda?

A umbanda é uma religião monoteísta, ou seja, reconhece que existe apenas um único deus. Abaixo estão descritos os orixás (que também são cultuados no candomblé) e as entidades ou guias protetores, que são espíritos ancestrais. Cada orixá conta com uma linha de entidade que o auxilia a cuidar dos seres humanos.

Entidades da umbanda

Dito isso, conheça algumas das principais entidades da religião.

1. Caboclos

Os caboclos são espíritos que representam ancestrais indígenas. Dada a sua origem, as entidades desse grupo se destacam por serem grandes conselheiros e pela forte ligação com a natureza.

(Fonte: Perdido.co/ Reprodução)(Fonte: Perdido.co/ Reprodução)

2. Malandros

Uma das entidades mais populares dessa linha é o Zé Pilantra, que ficou órfão de pai e mãe e, para tentar sobreviver, passou a praticar pequenos furtos e trapaças. Aliás, essa entidade é responsável por cuidar de pessoas esquecidas, maltratadas, que se prostituem e mulheres viciadas.

(Fonte: THIR/ Reprodução)(Fonte: THIR/ Reprodução)

3. Pombagiras

As pombagiras são entidades de mulheres que, quando vivas, lutaram contra a opressão e o sofrimento imposto a elas. Por isso, como guias espirituais ajudam aquelas que passam por dificuldades.

Uma pombagira muito famosa é a Maria Padilha. Em vida, foi amante de Dom Pedro I de Castela (1334-1369), sendo quase sempre retratada como uma mulher linda, sedutora, sensual e muito bem-vestida.

(Fonte: Terreiros de Umbanda/ Reprodução)(Fonte: Terreiros de Umbanda/ Reprodução)

4. Ciganos

Essas entidades são guias espirituais que gostam de ajudar as pessoas transformando suas vidas por meio do amor, da união e da fraternidade sempre com a força da alegria. Outra característica importante dos ciganos é que nunca prendem ou humilham uma pessoa. Apesar do nome, não há ligação direta com povos ciganos espalhados pelo mundo.  

(Fonte: Tsara Rayo Oriente/ Reprodução)(Fonte: Tsara Rayo Oriente/ Reprodução)

5. Marujos ou Marinheiros

Em algumas regiões onde a Umbanda é praticada, não existe essa linha de entidades. Todavia, os marinheiros ou marujos atuam com uma limpeza completa: mental, espiritual e física. São entidades famosas por falarem a verdade. Como são espíritos oriundos do mar, estão sempre se balançando. Outro detalhe é que a própria vivência nesse ambiente tornou suas vidas sofridas, mas cheias de aprendizado que compartilham com os demais.

(Fonte: Terreiros de Umbanda/ Reprodução)(Fonte: Terreiros de Umbanda/ Reprodução)

6. Erês

São espíritos de crianças, por isso é bom esperar alguma travessura de vez em quando dessas entidades. Afinal, adoram rir e brincar. Do lado mais sério, trabalham oferecendo conforto e consolo para mães e pais aflitos.

(Fonte: Sonhamos/ Reprodução)(Fonte: Sonhamos/ Reprodução)

7. Pretos-velhos

A característica mais famosa e sempre citada dos pretos-velhos é a vasta sabedoria que têm. Com uma linguagem simples e direta, esses espíritos de negros escravizados oferecem orientações e apontam o caminho para situações aparentemente sem solução.

(Fonte: Umbanda EAD/ Reprodução)(Fonte: Umbanda EAD/ Reprodução)

Você sabia que o Mega Curioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.