Descobriram um castelo misterioso submerso em lago na Turquia

Descobriram um castelo misterioso submerso em lago na Turquia

Último Vídeo

Olha só que notícia mais interessante: depois de dez anos vasculhando o Lago de Van, o segundo maior lago do Oriente Médio, arqueólogos da Universidade Van Yüzüncü Yil, situada na Turquia, descobriram um castelo submerso em excelente estado de preservação. O mais legal é que, segundo Michelle Starr, do site Science Alert, os responsáveis pelo achado acreditam que a estrutura servia de sede para um antigo reino perdido. Não parece coisa de lenda?

Reino perdido

De acordo com Michelle, o castelo se distribui por aproximadamente um quilômetro e conta com muralhas com três e quatro metros de altura. A estrutura foi encontrada a vários metros de profundidade e os arqueólogos estimam que ela tenha três mil anos.

Castelo no Lago de VanCastelo descoberto no Lago de Van (Daily Sabah/DHA Photo)

O time acredita que o castelo seja uma relíquia construída durante a Idade do Bronze pela civilização Urartu — uma cultura também conhecida como Reino de Van que floresceu na região entre os séculos 9 e 6 a.C., mas que desapareceu há muito, muito tempo.

Conforme explicaram os arqueólogos, o nível das águas do lago flutuou bastante ao longo dos milênios — e eles pensam que ele era bem mais baixo na época em que os Urartu se instalaram no local. Então, os cientistas teorizam que as águas foram subindo pouco a pouco até cobrir parte da cidade.

Sítio arqueológico no Lago VanArqueólogos trabalhando em sítio situado nas margens do Lago de Van (Hurriyet Daily News/DHA Photo)

Existem regiões nas margens do lago que não foram submersas e que já são foco de pesquisas arqueológicas. Na verdade, muitas civilizações e povos viveram ao redor do Lago de Van no decorrer da História — e esse local deu origem a uma variedade de mitos. Algumas culturas costumavam se referir ao lago como “mar de cima”, e muitas acreditavam que suas águas guardavam inúmeros mistérios.

Lago de VanLago de Van, na Turquia — lindo, né? (Wikimedia Commons/Gozturk/Panoramio/Akdamar Adasi-Bahar)

Foi com base nessas lendas todas que o time decidiu vasculhar o lago e, além do castelo, eles também encontraram um campo de estalagmites que ocupa uma área de mais ou menos quatro mil metros quadrados, e sepulturas de uns mil anos de idade da Era Seljuk. Os trabalhos devem continuar, e os arqueólogos esperam descobrir como os súditos do Reino de Van — isto é, os ocupantes do castelo — viviam.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.