Saiba por que exercícios diminuem seu apetite
60
Compartilhamentos

Saiba por que exercícios diminuem seu apetite

Último Vídeo

A primeira atitude de quem deseja perder peso geralmente é a prática de exercícios. Todo aquele esforço e suor envolvidos fazem com que seu corpo vire uma máquina de queimar calorias, correto? Provavelmente sim, mas talvez outros aspectos também influenciem na relação entre exercícios e emagrecimento.

Uma alimentação equilibrada e bons hábitos de sono certamente colaboram, mas agora cientistas da Albert Einstein College of Medicine, de Nova York, encontraram outro fator que pode ajudar a manter a boca fechada. Eles estudaram a relação entre o aumento de temperatura do corpo e a diminuição do apetite, e acredite: o resultado vai fazer você querer suar mais um pouco na academia.

Sentir calor é o segredo

1

Na tentativa de explicar a relação entre exercícios e diminuição de apetite, o pesquisador Ph.D. Young-Hwan Jo e mais cinco coautores publicaram na revista PLOS Biology um estudo sobre o assunto. A equipe partiu do princípio de que exercicíos físicos suprimem o apetite, e o objetivo foi encontrar o motivo disso.

Exercícios que envolvem um mínimo de intensidade fazem com que o suor comece a escorrer. Essa reação acontece pelo aumento da temperatura corporal, e foi com base nessa premissa que os cientistas iniciaram os estudos. Eles monitoraram a temperatura do hipotálamo de ratos, enquanto eles se exercitavam. 

Hipotálamo

O hipotálamoO hipotálamo está em vermelho no centro

A opção de analisar essa pequena região do sistema nervoso humano não foi um mero acaso. Localizado praticamente no centro do crânio, ele é responsável por funções de extrema importância no nosso corpo, pois tem ligação direta com os sistemas nervoso e endócrino, sendo responsável pela secreção de hormônios de grande importância. Além disso, controla também a sede, os ciclos circadianos e os pontos mais importante para a pesquisa: a fome e a temperatura corporal.

Após os testes, os pesquisadores perceberam que o aumento da temperatura corporal ativa algo como um interruptor no cérebro, reduzindo o apetite. Falando em números, ao chegar a uma temperatura de 39 °C, contra a média de 37,5 °C em repouso, os ratos já sentiam uma redução significativa de apetite. Pequena diferença de temperatura, mas significativa, assim como para nós.

Como forma de comprovar os resultados, os pesquisadores estimularam os receptores de temperatura TRPV1 artificialmente, eliminando as dúvidas sobre outras variáveis estarem diminuindo o apetite dos ratos. Nesse caso, obtiveram as mesmas reações, então a conclusão foi de que não foi exatamente o exercício que diminuiu o apetite, mas o calor gerado por ele.

Agora, quando você estiver correndo ou caminhando na esteira, saiba que é necessário suar pelo menos um pouco para que sua fome seja neutralizada, pelo menos até seu corpo esfriar.

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.