Esse clarão imenso foi provocado pela erupção do Kilauea, no Havaí

Esse clarão imenso foi provocado pela erupção do Kilauea, no Havaí

Último Vídeo

Você deve ter ficado sabendo da erupção do Kilauea que teve início no começo de maio e que continua a causar estragos no Havaí, certo? Pois, além de as imagens da atividade do vulcão que andam circulando pela internet há vários dias serem assombrosas (e muitas delas, lindas), o pessoal do Observatório Gemini divulgou registros impressionantes da fúria do Kilauea. Veja um deles a seguir:

Erupção do Kilauea(Gemini Observatory/AURA/NSF)

Na verdade, o Observatório Gemini é composto por dois telescópios idênticos, um que fica situado no Hemisfério Sul, em Cerro Pachón, na Cordilheira dos Andes, e o outro no Hemisfério Norte, no Havaí, e, junta, a dupla é capaz de observar todo o céu.

Natureza majestosa

Como você já deve ter imaginado, foi o telescópio que fica em terras havaianas que capturou a imagem acima — mais especificamente, ele fica no topo do Mauna Kea, um vulcão extinto que fica no arquipélago. Confira outra imagem:

Erupção do Kilauea(Gemini Observatory/AURA/NSF)

Aliás, de acordo com Samantha Mathewson, do site Space.com, as imagens foram capturadas entre os dias 21 e 22 de maio, e o pessoal do telescópio chegou a produzir um time-lapse belíssimo — que você pode conferir no site do Observatório através deste link ou assistir a seguir:

***

 Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices desse mundão afora! Cadastre seu e-mail e não perca mais essa forma de mantermos contato!

Você sabia que o Megacurioso está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.